A façanha do catarinense Bruno D'Avila Gruner Divugação / WorldSkills/WorldSkills

Foto: Divugação / WorldSkills / WorldSkills

O catarinense Bruno D'Avila Gruner, ex-aluno do curso de técnico em mecânica do Senai de Jaraguá do Sul, terra da WEG, conquistou durante a semana a medalha de ouro para o Brasil na maior competição de educação profissional do mundo, a WorldSkills. Este ano, a maratona foi em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, de 15 a 18 de outubro. Bruno venceu na ocupação Polimecânica e Automação. 

Na WorldSkills, os melhores alunos de países das Américas, Europa, Ásia e África e Pacífico Sul disputam medalhas em modalidades que correspondem às profissões técnicas da indústria e do setor de serviço. A façanha é tão ou mais relevante quanto uma olimpíada mundial de matemática. Este jovem catarinense, senhores, venceu coreanos, chineses, israelenses, americanos, japoneses e alemães. 

Estudo científico
Estudo cientifico da Associação Nacional dos Cobradores autônomos (Anacoseca), que o Serviço Secreto do Cacau teve acesso, mostra que 70% das pessoas que frequentam bares, botecos, boates, pescadores, cafés, rodas de confraria, fazem fofocas, falam da vida alheia sem fundamento, coisa normal, vamos dizer básicas, "de boa", como dizem os jovens. 

Alguns destes fofoqueiros também são adeptos e praticam uma mentira, pequenas inverdades, coisa básica, de leve. Mas vale ressaltar, um fofoqueiro depende do mentiroso, uma pequena mentira ou meia verdade proferida da boca de um "istepô" e ouvida por um  fofoqueiro é adrenalina pura. 

Sai espalhando no bairro todo. Quem encontra, ele fala "Tudo certinho? Como está a vida? Sabes da novidade?". Pronto, tá feita a coisa. Os outros 30% são os curiosos, que escutam o fofoqueiro e ainda fazem comentários diversos. Curioso é aquele que não entende de nada, mas só de escutar o fofoqueiro e mentiroso já vira especialista em tudo. Resumindo, para você entrar neste clube é precisa ter as três qualidades: curioso, fofoqueiro e mentiroso. 

Dentes lindos
Levantamento do Departamento de Estudos Avançados em Odontologia do Serviço Secreto do Cacau constatou que é cada vez maior o número de pessoas que procuram os dentistas apenas para deixar os dentes dentro dos padrões da boa estética. A maioria investe até 20% de sua renda em implantes, cirurgias corretoras e colocação de aparelhos. Esses gastam mais com os dentes do que com o lazer.

Trabalho intermitente
A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de SC (Abrasel) afirma estar orgulhosa desta conquista para toda a sociedade. Argumenta que o trabalho intermitente é comum na maioria dos países da Europa e das Américas, beneficiando jovens que querem conciliar trabalho e estudo e até mesmo colaboradores adultos — no caso de complemento de renda ou atividade. A entidade ainda analisa outra vantagem: os típicos garçons extras que trabalham em eventos serão finalmente formalizados.

Menos impostos
O ICMS não compõe a base de cálculo para a incidência do PIS e da Cofins. Com base neste entendimento, pacificado em março deste ano pelo plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), a 2ª Vara Federal de Florianópolis decidiu sobre mandado de segurança impetrado pelo advogado Danilo Martelli Júnior, em favor de uma empresa do ramo de cosméticos, produtos de higiene e perfumaria sediada na região da Grande Florianópolis.

Conselho
Amigo, queres um conselho? Seja o tipo de homem que quando seus pés tocarem o chão a cada manhã faça o diabo falar: "Que droga, ele acordou".

Água
Há água suficiente na Terra para prover nove bilhões de pessoas em 2050? Em meio à precariedade na área da saúde, tão intensa como no saneamento, a pergunta é instigante. E a cidade ferve com a realização de nova conferência internacional na UFSC, além da  exibição de mais de 100 filmes do Festival Internacional de Cinema Socioambiental. A Ilha será até 10 de novembro a capital do meio ambiente. Nesta segunda-feira,  ocorre o II Planeta.doc Conferência, na UFSC, que mantém inscrições abertas. Toda a programação é gratuita.

Acompanhe as últimas publicações do Cacau Menezes

FOTOS: veja as imagens da coluna de Cacau Menezes desta sexta-feira

Ligação elétrica clandestina em rede da UFSC causa prejuízos à farmácia da universidade

Figueirense é condenado a pagar percentual a agenciadora por venda do atacante Clayton

 Veja também
 
 Comente essa história