Com previsão de contratar 100 pessoas em um ano, Neoway capta US$ 30 milhões de fundo internacional Neoway/Divulgação

Foto: Neoway / Divulgação

 A multinacional catarinense de tecnologia Neoway, uma das líderes mundiais em Big Data Analytics, fechou nesta quarta a sua captação de recursos series C, com o investimento de US$ 30 milhões (cerca de R$ 93 milhões) do Temasek, um dos mais renomados fundos de investimentos internacionais em tecnologia, com sede em Cingapura. Segundo o CEO e fundador da companhia, Jaime de Paula, esses recursos permitirão à empresa fazer aquisições e abrir duas filiais no exterior, uma em Portugal, para atender a Europa, e outra na Índia. Isso vai fortalecer a presença da empresa no exterior, onde já atua com escritório em Nova York aberto este ano. O Temasek se une aos investidores PointBreak, Pollux e Andrew Prozes, Accel Partners, Monashees e Endeavor Catalyst no grupo de acionistas da empresa, o que reforça a Neoway como um player global em inteligência de mercado com tecnologia disruptiva. 

- A gente está analisando algumas aquisições no Brasil e nos Estados Unidos – disse Jaime de Paula.

Mais de 100 vagas
O crescimento acelerado da Neoway também aumenta a oferta de emprego em Florianópolis. A companhia vai contratar mais de 100 pessoas nos próximos 12 meses. Jaime de Paula adianta que os escritórios de Portugal e India serão liderados por executivos locais, embora brasileiros também vão atuar.  A Neoway registra cerca de 10 patentes por ano em tecnologia. Tem mais de 50 patentes, sendo 26 em inteligência artificial. O crescimento acelerado ocorre em função dos resultados que oferece aos clientes. O faturamento da empresa este ano alcançará US$ 100 milhões.  

SUS usa aplicativo
A startup catarinense ePHealth lançou um aplicativo que armazena dados de pacientes e encaminha para o Ministério da Saúde por meio de smartphone. Mais de 11 mil agentes comunitários de saúde do setor público já estão usando a tecnologia reduzindo tempo de locomoção e custo com papel. A ePHealth é incubada do Midi Tecnológico, incubadora gerida pela Acate e mantida pelo Sebrae/SC. A mentoria da empresa é a Qualirede, que atua com gestão de saúde.   

 Na Intermach O público que visitou quarta a Intermach, Feira e Congresso Internacional de Tecnologia, Máquinas, Equipamentos, Automação e Serviços para a Indústria Metalmecânica, que acontece até sexta na Expoville, em Joinville, SC, surpreendeu a organização. Foi igual ao de 2015, o que indica que vai superar a edição anterior. Entre os lançamentos curiosos estão os da Nutriex, que traz itens para proteger o trabalhador em atividades pesadas. Um novo produto é luva química microbiológica. 

Acompanhe as publicações de Estela Benetti

Governo do Estado promete cumprir o repasse de 13% da receita para saúde 

Saúde, desenvolvimento e falta de gestão pública

Representantes comerciais da União Europeia visitam SC 

 Veja também
 
 Comente essa história