Receita tributária de SC cresce 7,7% até novembro Fabrizio Motta/Agencia RBS

Foto: Fabrizio Motta / Agencia RBS

Em sintonia com a recuperação da economia, a arrecadação total do governo de Santa Catarina atingiu R$ 1,97 bilhão em novembro, crescimento de 5,14% em relação ao mesmo mês do ano passado. No período acumulado de janeiro a novembro, a arrecadação cresceu 7,74% frente aos mesmos meses de 2016.

Os setores que registraram maior expansão na arrecadação em novembro frente ao mesmo mês do ano anterior foram o têxtil, com alta de 23,77%, seguido por automóveis, 20,13%. Transportes avançou 16,85% e o setor metalomecânico, 16,46%. As menores expansões ocorreram nos segmentos de bebidas, com alta de 0,39% nas vendas, seguidas por supermercados com 1,54% e agroindústria com 2,01%.

Segundo o governador Raimundo Colombo, a receita com o ICMS subiu cerca de 10% em novembro frente ao mesmo mês de 2016, enquanto a do IPVA caiu. Para dezembro, a expectativa é de que a arrecadação fique abaixo de 2016 porque naquele mês entraram os recursos da repatriação, que elevaram a arrecadação.

Na avaliação do Secretário de Estado da Fazenda, Renato Lacerda, os números dos últimos meses mostram uma recuperação econômica, mas ainda tímida. Com o objetivo de melhorar a receita e cobrar devedores, a secretaria lançou um parcelamento de débitos de ICMS, denominado Prefis, para os devedores de todos os setores da economia. Os descontos variam de 90% a 35% e o parcelamento vai até 60 meses.

No Pacto Global
A Softplan, uma das maiores empresas catarinenses de software, com 1,5 mil colaboradores, passou a integrar o rol das signatárias do Pacto Global das Nações Unidas (ONU).Consiste no envolvimento da comunidade empresarial em práticas que valorizam os direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. Do setor de TI há 30 empresas do país nesse grupo, sendo duas de SC, a Softplan e a Nexxera.

Reeleição na CDL
O empresário Lidomar Bison foi reeleito para mais um mandato à frente da CDL de Florianópolis, que se encerrará em 31 de dezembro do ano que vem. A diplomação será no evento de final do ano da entidade, sábado, a partir das 19h, no Centrosul. No evento, a entidade também fará homenagens a personalidades e empresas da Capital.

Rede hoteleira
O Sindicato de Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares da Grande Florianópolis informa que o setor registrou crescimento de 3,2% na ocupação de novembro frente ao mesmo mês de 2016. Segundo o presidente da entidade, Estanislau Bresolin, dá para concluir que dezembro, alta temporada, também será melhor.

Leia mais: 

Victor Fontana, um "craque"na empresa e na política  

Empresas de pesquisa e tecnologia de Florianópolis se unem 

Acate foca mercado global

Foto: Arte DC


 Veja também
 
 Comente essa história