O vereador Celso Sandrini (PMDB) subiu à tribuna da Câmara, ontem (22), com o exemplar desta coluna em mãos. Exibiu a nota em que foi citado por ter agredido verbalmente alguns na sessão de terça. Reafirmou que a informação estava correta e aproveitou para se desculpar, porque estava muito nervoso. Um político usar o microfone para reconhecer que a notícia contra ele está correta já é raro, imagine então admitir que errou. Ah, se todos fossem iguais ao Celso...

Leia as últimas notícias

 Veja também
 
 Comente essa história