"Não fui consultado e nem tenho o perfil", diz Amin sobre relatoria da denúncia contra Michel Temer DIDA SAMPAIO/Estadão Conteúdo

Foto: DIDA SAMPAIO / Estadão Conteúdo

Citado como um dos possíveis nomes para relatar a denúncia da Procuradoria Geral da República contra o presidente Michel Temer (PMDB) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, o deputado federal catarinense Esperidião Amin (PP) nega ter sido sondado para a vaga e acredita que não teria o perfil que a base governista busca para a função.

— Desde o tempo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) eu era considerado um parlamentar pouco previsível, para não dizer meio doido. Não é este o perfil que estão procurando — afirmou o catarinense.

Integrante da CCJ, Amin afirma que a votação na comissão tem peso relativo, porque o caso precisa ser analisado em plenário qualquer que seja o resultado. 

— Claro que um voto mais pesado ou mais leve do relator tem importância, mas acho que o mais importante agora é que o presidente apresenta uma narrativa para contrapor à denúncia — acredita.

 Veja também
 
 Comente essa história