Júlio Garcia pede aposentadoria no TCE Douglas Santos ¿ Agência TCE/Divulgação

Foto: Douglas Santos ¿ Agência TCE / Divulgação

Júlio Garcia não é mais conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. A portaria que oficializou seu pedido de aposentadoria foi publicada na edição desta terça-feira do Diário Oficial do órgão. Na tarde de segunda-feira, o governador Raimundo Colombo confirmou que deve indicar o deputado estadual José Nei Ascari (PSD) para sua vaga. 

Garcia foi nomeado conselheiro em 2008 pelo então governador Luiz Henrique da Silveira (PMDB), quando ocupava o cargo de deputado estadual pelo PFL. Ele havia presidido a Assembleia Legislativa por dois mandatos, entre 2005 e 2008. José Nei Ascari era seu chefe de gabinete e ocupou seu espaço eleitoral, sendo eleito em 2010 e 2014 - nesta, o segundo mais votado com 72,7 mil votos.

A nova troca de posições entre Garcia e Ascari movimentos os bastidores nos últimos meses. O agora conselheiro aposentado deve se filiar ao PSD e disputar a uma vaga na Assembleia Legislativa em 2018. A expectativa no parlamento é de que a indicação do governador Raimundo Colombo seja feita ainda nesta terça-feira, para que possa ser referendada no plenário esta semana.

Aposentadoria do conselheiro Julio Garcia
Ato de aposentadoria publicado no Diário Oficial do TCE desta terça-feiraFoto: Reprodução / TCE


 Veja também
 
 Comente essa história