Ibope abre números do horário nobre de TV ao público STOCKXCHNG/divulgação

Foto: STOCKXCHNG / divulgação

O Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope) anunciou nesta segunda-feira que vai passar a divulgar publicamente, pela primeira vez, os dados de audiência de TV medidos no Brasil. Com isso, qualquer pessoa poderá saber os programas e canais de TV mais assistidos em território nacional. A primeira divulgação apresenta informações sobre a semana entre 14 e 20 de setembro e mostra programas da Globo nas primeiras posições de audiência no horário nobre.

Veja quais são os programas com mais audiência entre 14 e 20 de setembro, segundo o Ibope 

Serão disponibilizados semanalmente, no site do Ibope, os relatórios do Painel Nacional de Televisão (PNT), que mede a audiência das 15 principais regiões metropolitanas do País, inclusive Porto Alegre. Entre os dados, o Ibope divulga a a média da audiência semanal das cinco maiores emissoras de TV aberta (Globo, SBT, Record, Band e RedeTV!), a audiência por dia da semana do horário nobre desses canais e rankings dos programas mais vistos nesse período.

Entenda como funciona a medição de audiência do Ibope

Na semana entre 14 de setembro e 20 de setembro, os cinco programas mais assistidos foram da Rede Globo (duas novelas, que não são identificadas pela medição, Jornal Nacional, Fantástico e o futebol de quarta-feira), seguidos de uma novela da Record, Zorra, da Globo, e duas novelas do SBT. Na TV por assinatura, os 10 primeiros programas da medição são infantis, sendo oito do Cartoon Network e dois do Discovery Kids.

Verdades Secretas já pode ser considerado o grande sucesso da Globo no ano

A ação do Ibope acontece três dias antes da primeira entrega dos dados aferidos pela empresa alemã GfK, sua concorrente no Brasil. É a maior mudança de política já feita na empresa, que até hoje mantinha o sigilo de suas informações e as divulgava apenas às emissoras de TV – que até podiam repassar as informações à imprensa e ao público, mas impunham seus próprios filtros.

 Veja também
 
 Comente essa história