A Regra do Jogo: Romero desiste de ser bandido e resolve sair da facção João Miguel Júnior/TV Globo/Divulgação

Foto: João Miguel Júnior / TV Globo/Divulgação

As reviravoltas de A Regra do Jogo podem ser um pouco difíceis de entender para quem não acompanha a novela desde o início, mas vale a pena prestar atenção na complexa trama de João Emanuel Carneiro.

Nesse jogo em que as peças podem mudar de lado a cada instante, ninguém é totalmente mocinho ou bandido. Mas o grande personagem dessa história, sem dúvida, é Romero Rômulo (Alexandre Nero).

Ele mostrou desde criança que tinha uma inclinação para a bandidagem, mas hoje em dia vive de ajudar os menos favorecidos. Tudo fachada, já que ele nunca deixou de ser integrante da facção criminosa.

Porém, nos próximos capítulos, pode surgir um novo homem. Depois de bancar o herói mais uma vez durante um assalto, Romero confessa a Atena (Giovanna Antonelli):

— Tudo o que aconteceu naquele restaurante aconteceu de verdade! E fui eu que fiz! Você viu a cara daquelas pessoas? A expressão de gratidão de cada um! Eles me amam de verdade! Isso é dez mil vezes melhor que assaltar um banco e sair com dois milhões de reais numa mala!

Será que agora ele está sendo sincero ou tudo não passa de mais um truque? No fundo, Romero é um homem atormentado pelos traumas da infância, principalmente por ter sido expulso de casa pela própria mãe. Mas quando precisou puxar o gatilho pra valer, ele nunca teve coragem. Seria o vilão um mocinho disfarçado?


Leia outras notícias sobre famosos e entretenimento

Curta nossa página no Facebook

DIÁRIO GAÚCHO
 Veja também
 
 Comente essa história