Filmes para assistir na TV nesta segunda-feira Divulgação/Divulgação

Oscar Isaac em Inside Llewyn Davis

Foto: Divulgação / Divulgação

Inside Llewyn Davis: Balada de um Homem Comum
(Inside Llewyn Davis) – De Ethan e Joel Coen. Com Oscar Isaac, Carey Mulligan e John Goodman. Filme imperdível, um dos melhores de toda a carreira dos Coen, que aqui reconstituem a cena folk da Nova York do início dos anos 1960 – pelo ponto de vista de um perdedor, claro. O protagonista é inspirado em um músico real que, nos dias em que se passam a narrativa, enfrenta, digamos assim, inúmeras dificuldades. Isaac está espetacular. Drama, EUA, 2013, 104min. Telecine Cult, 16h40min

17 dos 21 longas de Truffaut voltam restaurados aos cinemas
Leia todas as matérias e críticas de cinema em ZH
E também as notícias de televisão

A Vida Privada dos Hipopótamos
De Maíra Bühler e Matias Mariani. Interessantíssimo documentário sobre o norte-americano Christopher Kirk, que, preso no Brasil, conta toda a sua história desde quando se mudou para a Colômbia para conhecer os hipopótamos "importados" da África pelo traficante Pablo Escobar e, lá, se apaixona por uma misteriosa mulher. Era cilada, ele diz. Será mesmo? Veja que vale a pena. Documentário, Brasil, 2014, 92min. Canal Brasil, 22h

Leia também: 'A Travessia' oferece experiência de cinema vertiginoso
Comédia de Bogdanovich é bem intencionada, mas anacrônica
Diretor de 'No' volta com contundente drama sobre crimes da Igreja
Polanski faz ensaio sobre o masoquismo em 'A Pele de Vênus'
Novo 'Peter Pan' faz releitura do clássico com caráter pop

Disque M para Matar
(Dial M for Murder) – De Alfred Hitchcock. Com Ray Milland, Robert Cummings e Grace Kelly. Um dos mais festejados "suspenses morais" de Hitchcock, este thriller narra a história de um ex-campeão de tênis que chantageia um amigo para que este mate sua esposa traidora e, assim, ele possa ficar com a herança. Tudo acaba dando errado, o que eleva demais a tensão – com a elegância costumeira do mestre. Suspense, EUA, 1954, 104min. TCM, 2h40min

ZERO HORA
 DC Recomenda
 
 Comente essa história