Sucesso no cinema, "Vai que Cola" estreia nova temporada na TV no dia 19 Juliana Coutinho/Multishow,divulgação

Na terceira temporada da sitcom, galera do Méier vai ganhar na loteria

Foto: Juliana Coutinho / Multishow,divulgação

Com muita gritaria e um pouco de humildade, a turma bem-humorada do Méier entrou nas casas dos brasileiros que assinam TV paga sem pedir licença e, de repente, estourou. Vai que Cola deu tão certo que chegou aos cinemas e fez a maior abertura de uma produção nacional em 2015, com renda de R$ 8,53 milhões apenas no final de semana de estreia e, na quarta, chegou a 1 milhão de espectadores. Agora, está prestes a iniciar a terceira temporada no Multishow já com a quarta leva de episódios garantida para 2016.

Leia mais:
Paulo Gustavo: "'Vai que Cola' é a cara do Multishow"
Cinco motivos que fazem "Vai que Cola" ser sucesso na TV e no cinema

No dia 19, às 22h30min, estreia o novo ano da sitcom que, segundo dados do Ibope, foi a atração nacional mais vista em 2013 e 2014 na TV paga. Nesse retorno, os moradores da pensão da dona Jô (Catarina Abdalla) terão uma surpresa: todos ganham na loteria, menos Valdomiro (Paulo Gustavo), que não entra no bolão. Serão 40 episódios até o final do ano.

Na linha de frente, o programa tem o fenômeno atual do humor brasileiro e campeão de audiência Paulo Gustavo — que estará em Porto Alegre nos dias 23 e 24 com o espetáculo 220 Volts. Ao lado dele, nomes como Marcus Majella, Samantha Schümtz, Cacau Protásio e Tatá Werneck, entre outros.

— Estamos superconfiantes de que a nova temporada será um sucesso, ainda mais agora que o filme acabou de estrear e está muito bem de bilheteria — diz Paulo Gustavo a ZH por e-mail.

Leia mais:
Conheça alguns dos melhores programas humorísticos da TV

Para o diretor César Rodrigues, responsável pela série e pelo filme, o sucesso decorre de um conjunto de fatores:

— Dizer que é popular é simplista. Bem como dizer apenas que são artistas carismáticos. Acho que o conjunto de atores talentosos, liberdade criativa e a ideia da família ali presente é a química certa.

O sucesso é tanto que já surge a pergunta: será que Vai que Cola teria espaço na TV aberta? Embora achem que sim, tanto Paulo Gustavo quanto o diretor acreditam que no Multishow a produção tem mais liberdade, algo que seria perdido se migrasse para a TV aberta.

* TVShow

ZERO HORA
 Veja também
 
 Comente essa história