"A gente não caiu hoje", afirma técnico do Avaí após rebaixamento Alvarélio Kurossu/Agencia RBS

Foto: Alvarélio Kurossu / Agencia RBS

Empatar com o campeão brasileiro dentro da Arena Corinthians. Era para ser resultado comemorado pelo Avaí, mas não neste domingo, já que o placar de 1 a 1 com o Timão sentenciou o rebaixamento do time catarinense.

Avaí empata com o Corinthians e é rebaixado para a Série B
Jogadores lamentam rebaixamento do Avaí: "Sentimento de culpa"

— A gente não caiu hoje. Hoje a gente caiu de pé, empatou com a melhor equipe do campeonato. Dois pontos a gente estaria livre do rebaixamento, não podemos colocar na conta de hoje — avaliou ao fim da partida o técnico Raul Cabral, que preferiu dividir a carga de responsabilidade pela queda.

— Não adianta apontar agora os culpados, todos tiveram parcela de culpa, tanto atletas, quanto comissão técnica, quanto direção. Foi um conjunto de fatores. Tivemos problemas extra-campo que precisaram ser administrados, problemas sérios. Problema de elenco em alguns momentos que não conseguimos repor em curto prazo. Um primeiro turno abaixo do esperado — disse.

Confira mais do Avaí
Veja a tabela da Série A

O treinador ainda elogiou o empenho dos jogadores nessa reta final de Série A.

— A equipe trabalhou como quatro decisões, a entrega dos atletas foi espetacular. E quando você se entrega dessa maneira, de corpo e alma, os atletas acabam sentindo muito, e nós também, que vivenciamos o dia a dia junto com eles — lamentou Cabral.

DIÁRIO CATARINENSE
 Veja também
 
 Comente essa história