"Não dá para fazer terra arrasada", diz técnico do Avaí após derrota na estreia  Márcio Cunha/Especial

Claudinei Oliveira disse que equipe precisa se portar como uma das favoritas ao acesso

Foto: Márcio Cunha / Especial

O técnico do Avaí, Claudinei Oliveira, disse após a derrota para o Vila Nova, na estreia da Série B, que o time ainda fará um grande campeonato e precisa se colocar como um dos favoritos ao acesso para a primeira. De acordo com o comandante Azurra, o resultado em Goiânia foi muito ruim, porém a atuação da equipe não justificou a derrota.

— Em um cruzamento,  a bola sobrou e o atleta deles pegou um belo chute. Não nos entregamos em nenhum momento. Claro que o resultado foi ruim, mas é o início da Série B. Não dá para fazer terra arrasada com essa derrota — disse, em entrevista coletiva no Serra Dourada.

Na opinião de Claudinei, o principal foco do Leão no ano é o retorno à Série A. Para isso, o time precisa "encaixar". Ele lembrou ainda que há muitos jogadores fora das condições ideias, mas que, quando isso acontecer, o time passará a ter bons resultados.

Sobre a partida de quarta-feira contra o Goiás, que vale vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, o comandante disse que a sua preocupação no momento é não deixar o ânimo dos atletas cair.

— A gente teve as nossas chances hoje. Agora é buscar o objetivo da classificação. 

Leia mais

Avaí sofre gol no fim e é derrotado pelo Vila Nova na estreia da Série B
Figueirense faz o dever de casa e vence o Juventude na estreia

 Veja a tabela da Série B 

 Veja também
 
 Comente essa história