Em clima descontraído, elenco do Avaí testa "futgolfe" e alivia pressão antes de reta decisiva da Série B Cristiano Estrela/Diário Catarinense

Moritz, Airton e Marquinhos observam o chute certeiro

Foto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense

Nada de pressão. Em meio à tranquilidade, o Avaí se reapresentou após o empate, por 1 a 1, diante do Oeste pela Série B do Brasileiro. A seis jogos para o fim da competição, o Leão busca aproveitar ao máximo momentos de descontração, como aconteceu nesta segunda-feira pela manhã. O elenco realizou atividade física e, depois, disputou uma partida de futgolfe. O evento ocorreu no Costão Golf, onde está localizado o primeiro campo da nova modalidade esportiva em Florianópolis.

Com direito a muita risada, piadas e zoação entre os jogadores, o clima ficou propício à prática amistosa. O esporte, como o nome sugere, é uma mistura de futebol e golfe. Os pés são utilizados no lugares dos tacos, bem como as bolas tradicionais ganham espaço das pequenas. Além do campo e dos buracos, maiores, as regras permanecem as mesmas do golfe. Ou seja, ganha quem completar todo o percurso com o menos chutes. Neste caso, porém, com menos chutes.

– Deu uma quebrada no clima de treinamentos e viemos para um espaço diferente. É um esporte novo e tivemos o privilégio de inaugurar aqui. Ficamos contentes de fazer um dia fora do tradicional. Aqui o gol é mais difícil, num terreno diferente. Foi válido. É sempre importante ganhar para não tirarem sarro. Hoje o Geninho não me tirou (risos) e terminei o evento. É legal a descontração e a gente faz com alegria – falou o meia Marquinhos.

 FLORIANÓPOLIS, SC, BRASIL, 22/10/2018: FootGolf do Avaí no CostãoGolf. Rodrigão e Guga  (fOTO: CRISTIANO ESTRELA / DIÁRIO CATARINENSE)
Guga tenta tirar a concentração de Rodrigão no momento do arremateFoto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense

A brincadeira entre o elenco teve 17 duplas na disputa. O título ficou em casa. Formados na base azurra, André Moritz e Marquinhos foram os campeões. Eles acertaram os nove buracos com 28 chutes na bola. Airton e Rafinha, vice-campeões, e Eduardo Kunde e Rubinho, terceiros colocados, completaram o roteiro com 31 batidas cada. Apesar de fora do pódio, o lateral-direito Guga destacou a atividade que busca promover a modalidade e serviu para aliviar a pressão. 

– Ajuda bastante, ainda mais na parte final do campeonato. A tensão é maior e essa brincadeira foi essencial para dar uma leveza, tirar o peso e nos unir um pouco mais para dar sequência à reta final, em que a união do grupo também conta – disse o lateral-direito, ciente de que a vantagem para o Vila Nova, atual quinto colocado, caiu para somente um ponto na reta decisiva da Série B. 

Apesar de novidade em Florianópolis com o primeiro campo oficial, o futgolfe existe como esporte desde 1999. Criado por um empresário gaúcho, tem até mesmo campeonato mundial, disputado três vezes desde 2012. Os alemães, tetracampeões de futebol, dominam a modalidade. Diretor técnico do Costão Golf, Ricardo Aguero reconheceu que o golfe não é tão praticado no Brasil, mas acredita que essa junção esportiva pode ser um meio de alavancar a busca pela atividade. 

– Um amigo de Foz de Iguaçu falou do futgolfe há três anos. Como colocaria jogador em campo de golfe? Depois me desculpei com ele quando vi a forma e o quanto era divertido. Não existe cultura do golfe no Brasil, mas é um atrativo para trazer os jovens, pais com filhos. É bacana. O ideal são grupos de quatro jogadores, jogando individualmente ou formando duplas. Cada um vem com duas bolas e jogam 18 buracos, demanda quase duas horas e se caminha quase 5km – destacou Aguero.

 FLORIANÓPOLIS, SC, BRASIL, 22/10/2018: FootGolf do Avaí no CostãoGolf. Rodrigão  (fOTO: CRISTIANO ESTRELA / DIÁRIO CATARINENSE)
Rodrigão errou o alvo e teve que se virar para recuperar a bolaFoto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense

Suspenso da partida contra o Goiás, o atacante Rodrigão retratou a aprovação do elenco azurra, mesmo que a distância a percorrer tenha sido um empecilho. Nada, porém, que tenha tirado o bom humor do vice-artilheiro azurra na Série B.

 – Tem que ter resenha. Se não tiver no futebol, não adianta. No jogo é sério, defender a camisa do Avaí. Tem a hora de brincar, e brincar mesmo. Tem de relaxar um pouco.  O futgolfe foi bem, gostamos. Todo mundo gostou. Tirando o percurso, que é bem longo, foi bem legal. Dá para vir mais vezes – completou.

Com 52 pontos, o Avaí é o terceiro colocado na Série B. O time volta a campo na sexta-feira, às 21h30min, quando encara o Goiás pela 33ª rodada. Após o duelo, vão faltar somente mais cinco confrontos para decidir a vaga na elite de 2019. 

 FLORIANÓPOLIS, SC, BRASIL, 22/10/2018: FootGolf do Avaí no CostãoGolf. Os vencedores do FootGolf, Marquinhos Santos e Moritz.  (fOTO: CRISTIANO ESTRELA / DIÁRIO CATARINENSE)
Marquinhos e Moritz recebem o prêmio pelo primeiro lugar no eventoFoto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense

O que é o futgolfe?

Criada em 1999, a modalidade junta o futebol e golfe. Se joga com os pés, utilizando bolas oficiais de futebol. Do golfe se usa o campo, as regras e os buracos, que ficaram maiores. Uma partida pode ter duração de até duas horas, sendo que o local é composto por 18 buracos. O indicado é que cada jogo seja disputado com quatro pessoas, com possibilidade de duas duplas ou individual. No Costão Golf, o preço para o percurso completo é de R$ 50 por pessoas, às quartas e domingos das 14h às 18h.  

Confira a tabela da Série B do Brasileiro
Leia mais notícias sobre o
Avaí

 Veja também
 
 Comente essa história