No primeiro jogo oficial de Alan Ruschel após acidente, Chapecoense empata com o Flamengo Márcio Cunha./Especial

Foto: Márcio Cunha. / Especial

No primeiro jogo oficial de Alan Ruschel após o acidente aéreo na Colômbia, a Chapecoense empatou sem gols com o Flamengo na partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, na noite desta quarta-feira, na Arena Condá. No jogo de volta, na próxima quarta, no Rio de Janeiro, um empate com gols classifica o time catarinense. Novo placar de 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis.

Vindo de três derrotas consecutivas, sem técnico e com alguns desfalques, a Chapecoense foi para o confronto contra o Flamengo tentando recuperar a confiança e a força em casa. Neste jogo tão importante, a novidade foi o lateral Alan Ruschel, um dos seis sobreviventes do acidente de 28 de novembro do ano passado. Ele já tinha disputado os amistosos contra Barcelona e Roma, mas a partida desta quarta foi a primeira oficial, e como titular. Ruschel não jogava desde o dia 27 de novembro do ano passado, quando atuou 90 minutos na derrota por 1 a 0 para o Palmeiras.

A exemplo dos amistosos, o lateral foi escalado como meia. No início, Ruschel, assim como todo o time da Chapecoense, teve dificuldade. Num jogo bastante disputado, ele perdeu algumas disputas com Willian Arão. O Flamengo começou melhor e Jandrei teve que sair para evitar o gol de Guerrero. Também defendeu um chute de dentro da área de Willian Arão. Guerrero ainda cobrou falta com perigo.

No final da etapa inicial, a Chape cresceu de produção. Numa boa saída de bola da defesa, Canteros lançou Alan Ruschel na direita. Ele entrou na área e chutou cruzado, no canto esquerdo de Diego Alves, que conseguiu espalmar a bola. Ruschel também sofbreu falta próximo da área. Canteros cobrou, mas a bola foi por cima do travessão.

No início do segundo tempo, o Verdão tentou pressionar em busca do gol. Mas quem teve a melhor chance foi o Flamengo, numa cobrança de falta de Diego que Réver cabeceou no chão e Jandrei fez grande defesa. Minutos depois, em outra cobrança de falta de Diego, o goleiro da Chape saltou para afastar a bola com um soco.

 Chapecó, Santa Catarina, Brasil, Arena Condá 13-09-2017.Futebol, Chapecoense enfrenta o Flamengo pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana 2017.Torcedores do Flamengo presentes na Arena Condá.Foto Márcio Cunha.Indexador: MARCIO CUNHAFotógrafo: MARCIO CUNHA
No jogo de volta, na próxima quarta, no Rio, um empate com gols classifica a ChapecoenseFoto: Márcio Cunha. / Especial

Aos 27 minutos, Alan Ruschel foi substituído por Luiz Antônio e saiu ovacionado pela torcida. Minutos depois, a Chapecoense chegou com perigo, num chute de Penilla, que Diego Alves espalmou. No rebote, Reinaldo desperdiçou a chance de marcar.

Mas o lance serviu para inflamar a torcida, que voltou a gritar: "Vamos, vamos Chape!". Penilla ainda desperdiçou mais um chande no final. Mesmo sem vencer, o torcedor saiu do estádio com orgulho do time. Afinal, a Chapecoense mostrou o espírito de luta, que está simbolizado no retorno de Alan Ruschel.

Ficha técnica 

CHAPECOENSE-0: Jandrei, Apodi, Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro (Lucas Marques), Lucas Mineiro, Canteros e Alan Ruschel (Luiz Antônio); Wellington Paulista e Túlio de Melo (Penilla). Técnico: Emerson Cris.

FLAMENGO-0:  Diego Alves, Rodinei, Rever, Juan e Pará; Cuéllar, Willian Arão e Diego (Everton Ribeiro); Berrío (Lucas Paquetá), Everton (Vinícius Júnior) e Guerrero. Técnico: Reinaldo Rueda.

Arbitragem: Gery Vargas, auxiliado por Juan Montaño e Jose Antelo (BOL)        

Cartões amarelos: Reinaldo e Fabrício Bruno (C); Guerrero, Rever, Cuéllar e Everton Ribeiro (F).

Local: Arena Condá, em Chapecó

Público: 9.702

Renda: R$ 279.770

Leia mais informações sobre a Chapecoense
Acesse a tabela da
Série A do Brasileirão

 Veja também
 
 Comente essa história