Chapecoense tenta encerrar jejum como visitante contra o América-MG Arte DC/Arte DC

Foto: Arte DC / Arte DC

Garantida fora do Z-4 durante a disputa da Copa do Mundo, a Chapecoense pega o América-MG, na Arena Independência, em Belo Horizonte, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O confronto desta quarta-feira, às 16h, é o últimos antes da pausa para o Mundial da Rússia, que começa na quinta. A meta do Verdão está bem definida: conquistar a primeira vitória fora de casa e, assim, ultrapassar um rival direto na luta pela permanência na elite nacional.

O América-MG tem os mesmos 13 pontos da Chapecoense, mas com uma vitória a mais e melhor saldo de gols. O time do Gilson Kleina também quer melhorar seu retrospecto longe da torcida, uma vez que 11 pontos foram conquistados na Arena Condá e somente dois longes de Chapecó, quando empatou com o Palmeiras (0 a 0) e com o Atlético-MG (3 a 3).

- A gente consegue fazer bons jogos, depois temos uma queda em outros. No Brasileiro a palavra principal é equilíbrio, que nossa equipe ainda não encontrou. No último jogo, nós fizemos uma partida excelente e temos que tomar isso como ponto de partida para, também fora de casa, conquistarmos as vitórias com grandes atuações – destacou o zagueiro Douglas.

O retrospecto contra o Coelho favorece o time catarinense. Na Série B de 2013 houve empate, sem gols, em Chapecó e vitória do Verdão, por 1 a 0, em Minas Gerais. Na elite de 2016 foram duas vitórias da Chape: 3 a 1, em casa, e 2 a 1 como visitante.

Focado em manter a boa fase contra o time mineiro, o técnico Gilson Kleina não poderá contar com o atacante Arthur Caíke, suspenso, e também com o lateral-direito Apodi, em negociação para deixar o clube. Eduardo entra na defesa, enquanto Luiz Antônio, utilizado no segundo tempo na vitória sobre o Cruzeiro, e os atacantes Vinícius e Bruno Silva disputam a vaga.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG
Jori; Norberto, Matheus Ferraz, Messias e Christian; Leandro Donizete, Serginho e Gerson Magrão; Ademir, Rafael Moura e Luan. Técnico: Enderson Moreira.

CHAPECOENSE
Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Elicarlos, Márcio Araújo, Canteros e Luiz Antônio (Vinícius ou Bruno Silva); Wellington Paulista e Leandro Pereira. Técnico: Gilson Kleina.

ARBITRAGEM: Paulo Roberto Alves Júnior, auxiliado por Pedro Martinelli Christino e Luciano Roggenbaum (trio do PR).
DATA E HORA:
quarta-feira, às 16h.
LOCAL:
Arena Independência, em Belo Horizonte (MG).

Leia mais notícias sobre a Chapecoense no DC


 Veja também
 
 Comente essa história