Pressionada, Chapecoense tenta surpreender o Flamengo no Maracanã Arte DC/Arte DC

Foto: Arte DC / Arte DC

Penúltima colocada no Campeonato Brasileiro e sem vencer nas últimas cinco rodadas, a Chapecoense encara o Flamengo, no Maracanã, às 21h deste sábado, tentando surpreender o adversário e conquistar a primeira vitória fora de casa na competição nacional. Até agora foram apenas cinco pontos conquistados em 12 rodadas longe da Arena Condá. 

Os outros 17 dos 22 pontos foram obtidos em Chapecó, onde o time perdeu a invencibilidade no último domingo, ao ser derrotado para o "misto quente" do Palmeiras por 2 a 1. Resta, agora, quebrar o tabu fora de casa. A Chapecoense nunca venceu o Flamengo no Rio de Janeiro. O melhor resultado foi o empate por 2 a 2, em 2016. A equipe, porém, vem de vitória sobre o Rubro-negro, por 3 a 2, em Chapecó, no primeiro turno, quando o time carioca era o líder da Série A.

O confronto terá frente a frente treinadores pressionados. Pelo lado da Chape, Guto Ferreira ainda sofre para fazer o time engrenar, enquanto o treinador do Flamengo também vive uma situação desconfortável. Maurício Barbieri está na corda bamba e com a cabeça a prêmio em alguns setores dentro do clube, pois não vence há três rodadas, sendo duas derrotas seguidas.

Em Chapecó, está prevista uma reunião para segunda-feira, na Prefeitura, entre o prefeito Luciano Buligon e a diretoria do Verdão. É uma tentativa de mobilização na cidade já que o clima é instável também fora de campo, com críticas ao trabalho do atuais dirigentes. Nos últimos meses, além do técnico Gilson Kleina, foram demitidos os diretores de futebol Rui Costa e João Carlos Maringá. Já o atacante Wellington Paulista foi afastado.

No grupo de jogadores, porém, o discurso é de união.

– Mostramos em campo assim como estávamos mostrando que estamos fechados. Quanto mais o grupo se unir e remar para o mesmo lado mais longe iremos juntos – afirmou o goleiro Jandrei.

Contra o Flamengo, Guto Ferreira não poderá contar com o volante Elicarlos, suspenso, mas tem dois retornos importantes. Um deles é o zagueiro Douglas, que está recuperado de lesão na coxa esquerda. O outro é o atacante Leandro Pereira, que cumpriu suspensão contra o Paraná. Ele tem bons motivos para estar confiante. Afinal, foi dele o gol da vitória por 3 a 2 no primeiro turno. A situação da Chape é difícil, mas o verde é a cor da esperança.

FICHA TÉCNICA - Flamengo x Chapecoense

FLAMENGO
Diego Alves; Rodinei, Léo Duarte, Réver e Renê; Piris da Motta, Romulo (Willian Arão), Diego e Éverton Ribeiro; Vitinho e Lincoln (Henrique Dourado). Técnico: Maurício Barbieri.
CHAPECOENSE
Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas e Roberto; Amaral, Márcio Araújo e Canteros; Bruno Silva, Leandro Pereira e Victor Andrade. Técnico: Guto Ferreira.

ARBITRAGEM: Leandro Bizzio Marinho, auxiliado por Daniel Luís Marques e Daniel Paulo Ziolli (trio de SP).
DATA E HORÁRIO: sábado, às 21h.
LOCAL: Maracanã, no Rio de Janeiro.

Leia mais notícias sobre a Chapecoense

 Veja também
 
 Comente essa história