Chapecoense torce por título do Atlético-PR para chegar à Sul-Americana 2019 Sirli Freitas/Chapecoense

Foto: Sirli Freitas / Chapecoense

Evitar o rebaixamento à Série B do Brasileiro pode ter sido só o primeiro ato de felicidade da Chapecoense ao fim da temporada. O Verdão tem chance de fechar o ano com vaga na Copa Sul-Americana 2019 e, assim, retornar à competição três anos após o título por causa do acidente aéreo que vitimou 71 pessoas na Colômbia. 

A classificação da Chape, porém, depende do Atlético-PR. O time paranaense precisa ser campeão da Sul-Americana. O primeiro jogo da final contra o Junior é nesta quarta-feira, às 22h45min (de Brasília), no Estádio Metropolitano, em Barranquilla. A volta é no dia 12, às 21h45min, na Arena da Baixada, em Curitiba. 

A chance de vaga na Sul-Americana se deu após o Verdão terminar na 14ª colocação no Brasileirão com a vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, domingo, na Arena Condá. Como o Atlético-PR fechou a Série A em sétimo lugar, o time paranaense – em caso de título – ficará com a vaga na Taça Libertadores, abrindo espaço para a classificação da Chape na outra competição continental de 2019.

O Corinthians, por exemplo, estará na Sul-Americana por causa do título do Cruzeiro na Copa do Brasil, que o deu lugar na próxima edição da Libertadores. O time mineiro terminou em oitavo lugar, dentro da zona de classificação à Sula, mas fica impedido de participar por estar garantido na outra disputa do continente. 

Além do Timão, os outros brasileiros na Sul-Americana 2019 são: Atlético-PR, Botafogo, Santos, Bahia e Fluminense. Em caso de título, o Furacão passa para a outra competição, e a Chape herda o lugar. os garantidos na Libertadores são: Palmeiras, Flamengo, Internacional e Grêmio, com vagas diretas, além de São Paulo e Atlético-MG, assegurados na fase preliminar.   

Leia mais notícias sobre a Chapecoense

 Veja também
 
 Comente essa história