Em busca de novo triunfo, Mazola busca iniciar sequência no Criciúma Arte DC/Arte DC

Foto: Arte DC / Arte DC

Em time que está ganhando, não se mexe. Para o técnico Mazola, a máxima vale também para o time que acabou de ganhar pela primeira vez. A única mudança é por obrigação. Na tentativa de emendar a segunda vitória consecutiva, o Criciúma que encara o Paysandu às 19h15min desta terça-feira será o mais parecido o possível ao que venceu o Avaí na última sexta-feira, na Ressacada. O jogo contra o Papão será às 19h15min, no Estádio Heriberto Hülse, válido pela oitava rodada da Série B.

O atacante Zé Carlos tomou pena do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por causa da expulsão por xingamento na derrota para o CSA. O departamento jurídico tenta efeito suspensivo. Caso não consiga, Nicolas é o mais cotado para entrar, sendo a única alteração no time. 

Toda a preparação antes de jogo, porém, foi semelhante aos dias que antecederam o triunfo na Ressacada. Mais uma vez, Mazola não permitiu à imprensa que fizesse imagens no último treino, mas aceitou que os jornalistas acompanhassem o trabalho. No treino em campo reduzido, o técnico escalou no time titular os mesmos 11 que entraram em campo na última rodada: Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Marlon; Jean Mangabeira, Eduardo, Luiz Fernando e Elvis; João Paulo e Zé Carlos — antes do resultado do julgamento. 

Leia mais
Meta do Criciúma é estar entre os dez melhores até o fim do turno
Três pontos para o Criciúma reagir na Série B do Campeonato Brasileiro

O banco de reservas ficou mais qualificado com os reforços que chegaram na última semana. O volante recém-contratado Marlon Freitas, por exemplo, tinha tudo para chegar e ser titular, mas esbarrou na boa fase de Eduardo. O jogador formado na base do Tigre agarrou as oportunidades que teve e se tornou peça importante no time de Mazola.

— O grupo precisava de uma vitória, ainda mais no clássico. Agora a gente tem dois jogos em casa e precisamos fazer seis pontos para sair dessa situação — assinala Eduardo. Na sexta-feira, o Tigre recebe o Boa Esporte no Estádio Heriberto Hülse.

Uma vitória ainda não será suficiente para tirar o Criciúma da zona de rebaixamento, mas o deixará a um ou dois pontos do 16º colocado. Qualquer outro resultado pode jogar o Tigre novamente para a lanterna da competição.

FICHA TÉCNICA

CRICIÚMA X PAYSANDU

CRICIÚMA
Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Marlon; Jean Mangabeira, Eduardo, Luiz Fernando e Elvis; João Paulo e Nicolas. Técnico: Mazola Júnior.

PAYSANDU
Renan Rocha; Edimar, Diego Ivo e Douglas Mendes; Matheus Silva (Maicon Silva), Renato Augusto, Alan Calbergue, Mike, Tomaz e Carlinhos; Cassiano. Técnico: Dado Cavalcanti.

ARBITRAGEM: André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Fabrício Vilarinho da Silva e Leone Carvalho Rocha (trio de GO)

DATA E HORÁRIO: Às 19h15min desta terça-feira.

LOCAL: Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)

Veja a tabela da Série B do Brasileiro
Mais notícias do
Criciúma

 Veja também
 
 Comente essa história