Com dificuldades, Criciúma se apega ao fator casa para jogo contra o Vila Nova Guilherme Hahn/Especial

Foi no Majestoso que Eduardo fez o primeiro gol da carreira e se tornou peça fundamental no Tigre desde então

Foto: Guilherme Hahn / Especial

Mesmo com o fantasma do rebaixamento à espreita desde o início da Série B, o fator casa ainda vive no Estádio Heriberto Hülse. Com 12 pontos conquistados em oito jogos, o Criciúma, é o 7º melhor mandante da competição. Este será o - talvez único - trunfo carvoeiro para superar o Vila Nova no próximo sábado, às 19h, já que o Tigre está cheio de desfalques para a partida.

— Tenho certeza que, com o apoio do nosso torcedor, vamos sair com o resultado positivo — almeja o volante Eduardo, que marcou o primeiro gol da carreira no Majestoso, no jogo contra o Paysandu, e se tornou uma das peças mais importantes da equipe desde então.

Jogando na Capital do Carvão, o Tigre acumula três vitórias, três empates e duas derrotas - ambas sob o comando de Argel Fucks. Foram 10 gols marcados e oito sofridos. Com Mazola Júnior na chefia da comissão técnica, o Criciúma está invicto em casa.

— O Mazola estuda bem os adversários. Dentro de casa temos um excelente retrospecto e espero que isso possa acontecer novamente contra o Vila Nova — acrescenta Eduardo.

Rivais no alto da tabela, mas com mau desempenho em casa

Os outros catarinenses, Figueirense e Avaí, somaram 10 pontos cada, também em oito jogos em casa. Eles são o 16º e 17º melhores mandantes. A vantagem do alvinegro é que venceu três jogos, enquanto o Leão só ganhou duas na Ressacada.

O melhor mandante da Série B é o Coritiba, que faturou 20 pontos em oito jogos, com seis vitórias, dois empates e nenhuma derrota. O time paranaense é o único invicto jogando em casa.

Aproveitamento como visitante desequilibra

Para azar do Criciúma e sorte da dupla da Capital, os jogos fora de casa são muito mais decisivos na Série B, já que há maior diferença nos desempenhos das equipes. O Leão é o melhor visitante da competição, com 16 pontos somados, e o Figueira é o quarto, com 15. O Tigre é apenas o 17º, com quatro pontos.

O Coritiba, melhor mandante, é o time que tem o pior desempenho fora de casa. O Boa Esporte, lanterna, é a pior equipe tanto em casa quanto fora.

Veja a tabela da Série B do Brasileiro
Mais notícias do
Criciúma

om:cms -->
 Veja também
 
 Comente essa história