Elvis reclama da arbitragem em empate do Criciúma: "minou a gente com faltinhas" Guilherme Hahn/Especial

Meia também criticou "faltinhas" e pênalti marcado em "lance duvidoso"

Foto: Guilherme Hahn / Especial

A arbitragem foi alvo de muitas reclamações no empate em 2 a 2 entre Criciúma e Coritiba, pela 22ª rodada da Série B. Primeiro, o Coxa reclamou de um pênalti não marcado quando o placar estava fechado. Mas foi o Tigre quem deixou o campo mais irritado.

A principal reclamação foi quanto ao pênalti marcado ao Coritiba no segundo tempo, quando Jean Mangabeira desviou a bola com a mão dentro da área. O técnico Mazola Júnior reclamou muito, mas o replay da televisão mostrou que a decisão do árbitro gaúcho Daniel Nobre Bins foi acertada.

— O Coritiba veio para cima e o juiz começou a minar a gente com faltinhas que ele não dava lá, mas dava aqui. A gente sabia que ele daria pênalti para o Coritiba em qualquer lance duvidoso, foi o que aconteceu. Agora não adianta dar desculpas, temos que trabalhar e ganhar fora, mas é complicado voltar para o segundo tempo com o juiz desse jeito — criticou o meia Elvis, ao fim do jogo.

O resultado manteve o Criciúma na 14ª posição, podendo voltar à zona de rebaixamento se tropeçar na próxima rodada. O adversário será o CSA, em Maceió (AL), vice-líder da Série B.

Veja a tabela da Série B do Brasileiro
Mais notícias do
Criciúma

 Veja também
 
 Comente essa história