Na regressiva para a bola rolar: times se organizam a 40 dias da abertura do Catarinense  CA Tubarão/Divulgação

Foto: CA Tubarão / Divulgação

A 40 dias do início da próxima edição do Campeonato Catarinense, os 10 clubes da elite se movimentam, seja em treinamentos ou nos bastidores, para começar com tudo na competição. Apenas a Chapecoense não definiu treinadores ainda. Os demais times estão com os cargos devidamente ocupados. Em férias, somente os que disputaram as Séries A e B do Brasileiro: Chape, Avaí, Figueirense e Tigre. 

As novidades e o que cada equipe está fazendo

Avaí
A renovação com o técnico Geninho foi o primeiro passo da diretoria pensando em 2019. O elenco se reapresenta dia 2 para a pré-temporada em Águas Mornas. Até lá, a missão é renovar os contratos de jogadores. Nesta semana, o clube anunciou que Betão, Matheus Barbosa, Iury, André Moritz e Getúlio ficam para 2019.

Brusque
Campeão da Copa Santa Catarina, o time do Vale do Itajaí tem como novidade o técnico Paulo Baier. Ex-lateral e meia de sucesso, ele assumiu o comando após a saída de Pingo, que vai treinar o Caxias no Campeonato Gaúcho. O goleiro Dida também deixou a equipe e foi para o Juventude. A base está garantida.

Chapecoense
O elenco do Verdão está em férias após a permanência na Série A para 2019. Com eleição na próxima segunda-feira, a Chape precisa definir primeiro quem será o presidente antes de partir para contratações. Apesar de salvar o time, Claudinei Oliveira ainda não está confirmado no comando técnico.

Criciúma
O Tigre estava sem treinador desde a saída de Mazola Júnior após a Série B, mas na manhã desta sexta-feira Doriva foi apresentado. Alguns jogadores também já se desligaram do clube, entre eles o artilheiro Zé Carlos. Um reforço foi anunciado para os bastidores: Ricardo Rocha. O ex-zagueiro será assessor de futebol e ajudará na montagem do elenco.

Figueirense
A novidade no Alvinegro é o retorno de Hemerson Maria, que trabalhou na base do clube até 2010. Ele será o responsável por resgatar a torcida, que ficou descontente com a campanha na Série B. Alguns jogadores deixaram a equipe, como Ferrareis e Renan Mota. Outras situações estão indefinidas.

Hercílio Luz
O Leão do Sul deve ter boa parte do elenco que chegou à final da Copa SC no grupo para o Estadual. A procura por um novo treinador terminou na noite de quinta-feira. China Balbino, ex-Tubarão, ocupa o cargo de Edson Vieira, que não teve seu vínculo renovado. Agora, a diretoria espera dar sequência aos trabalhos em campo.

Joinville
Com oito reforços já confirmados, o JEC está no caminho para mostrar que o rebaixamento à Série D é coisa do passado. O técnico Zé Teodoro, ao lado da diretoria, trabalha para montar um elenco forte e compatível ao nível financeiro do clube. Neste sábado, a equipe realiza o primeiro jogo-treino.

Marcílio Dias
Apesar de não alcançar vaga na final da Copa SC, a diretoria manteve no comando o técnico Waguinho Dias, que neste ano levou o Tubarão ao terceiro lugar no Estadual. Quem também fica é o atacante Juninho Tardelli, irmão de Diego Tardelli, que foi artilheiro da Copinha com oito gols.

Metropolitano
Entre caras novas, velhos conhecidos e desconhecidos, o Metrô apresentou nesta semana o elenco para o Estadual. Campeão da Série B neste ano, o time tem 24 jogadores que iniciaram os trabalhos de preparação. O volante Leandro Melo, ex-Criciúma, volta ao clube onde jogou a Série D 2013.

Tubarão
O Peixe contratou o experiente técnico Silas e já trabalha forte visando a próxima temporada. Alguns jogadores conhecidos do torcedor estão de volta, como o goleiro Belliato e o volante Liel, que estavam por empréstimo no Criciúma na disputa da Série B. No geral, a base do elenco foi mantida.

 Veja também
 
 Comente essa história