Técnico Márcio Goiano é demitido do Figueirense Marco Favero/Agencia RBS

Foto: Marco Favero / Agencia RBS

O empate por 2 a 2 com o Criciúma, na noite de terça-feira, não foi suficiente para manter o técnico Márcio Goiano à frente do Figueirense. Na tarde desta quarta-feira, a diretoria do Alvinegro confirmou, por meio do seu site oficial, que o treinador não seguirá à frente da equipe.

Aposta do Furacão por conta da identificação com o clube, Márcio Goiano não conseguiu impressionar nesta passagem pela equipe do Scarpelli. Acumulou resultados ruins entre Campeonato Catarinense, Primeira Liga e Série B. Ao todo, ele esteve à frente do Figueira por 21 partidas. Foram apenas quatro vitórias — pouco frente as oito derrotas e nove empates que somou. O aproveitamento de pontos foi de 33,3%.

De acordo com o comunicado, o auxiliar Édson Luís da Silva também deixa a comissão técnica. O time volta a entrar em campo nesta sexta-feira, contra o Paraná, às 20h30min, em Curitiba. Ainda não está definido quem será o novo profissional no comando da equipe.

Acesse a tabela da Série B

Criciúma larga em vantagem, mas Figueirense empata no finzinho

Em noite de pressão, Márcio Goiano destaca reação do Figueirense

Leia mais notícias sobre o Figueirense

 Veja também
 
 Comente essa história