Estádio Josué Annoni é reformado para receber jogos da Chapecoense Sirli Freitas/Agencia RBS

Restam poucos ajustes para a partida de estreia da Chapecoense no estádio em Xanxerê

Foto: Sirli Freitas / Agencia RBS

Para quem há um mês e meio viu um estádio caindo aos pedaços ontem foi surpresa ver o Josué Annoni, de Xanxerê, quase pronto para receber os jogos do Campeonato Catarinense. A tela foi trocada, as arquibancadas e muros foram pintados, os vestiários receberam piso emborrachado, lajotas e sanitários novos, a descarga funciona e há lâmpadas que estão funcionando. Até os vidros foram trocados.

— O pessoal fez milagre- reconheceu Rivael Sander, assessor de planejamento urbano que era um dos responsáveis da Prefeitura por coordenar a reforma, que custou cerca de R$ 100 mil.

Ontem à tarde faltavam apenas alguns ajustes, como a colocação de placas de saída, espalhar pó de brita na pista em volta do gramado e pintura de boas vindas aos torcedores. Um funcionário da prefeitura cortava a grama enquanto outros dois molhavam o gramado. O campo tem 100 metros de comprimento por 70 metros de largura, medidas similares à Arena Condá antes da troca de gramado. Falta ainda marcar as linhas do gramado.

Hoje deve ser instalado o palco para as emissoras de televisão e instalados os banheiros químicos. A capacidade do estádio, com as arquibancadas móveis, passou de 1855 para 3.756. Os ingressos devem ser comercializados a partir de hoje em Chapecó e Xanxerê. Os valores são R$ 30 (geral) e R$ 40 (cobertas). Estudante paga metade.

DIÁRIO CATARINENSE
 Veja também
 
 Comente essa história