Godín marca, Uruguai vence a Itália e passa às oitavas da Copa Javier Soriano/AFP

Foto: Javier Soriano / AFP

Sofrido. Parece ser somente desta forma que o Uruguai consegue bater seus adversários. Na tarde desta terça-feira, em Natal, mais uma vez foi assim. Com gol do zagueiro Godín aos 35 do segundo tempo, os uruguaios venceram a Itália por 1 a 0 e conseguiram a segunda vaga no Grupo D. O adversário das oitavas deve ser a Colômbia.

Veja as estatísticas de Itália 0 x 1 Uruguai
Leia todas as notícias sobre a Copa do Mundo de 2014
Confira a tabela completa do Mundial

Em sete minutos de jogo, o mesmo número de faltas. Os primeiros momentos da partida que definia o segundo classificado do Grupo D mostraram que não haveria cavalheiros. Tanto que o primeiro cartão amarelo apareceu aos 21 minutos, para o centroavante italiano Balotelli. Em inúmeros momentos, o árbitro teve de paralisar o jogo para atendimento de algum jogador caído no gramado.

De futebol, a primeira etapa teve muito pouco. O zagueiro uruguaio Martín Cáceres, logo aos 2 minutos, viu Buffon adiantado e arriscou encobri-lo, mas a bola ficou nas mãos do arqueiro. Aos 37, o lance se repetiu. Cáceres tentou do meio-campo, porém, dessa vez para fora.

Com as duas seleções espelhadas no 3-5-2, a melhor opção eram as alas. A favor do empate, a Itália concentrou a posse de bola, enquanto os uruguaios tentavam o contra-ataque.



A melhor chance de gol apareceu aos 32 minutos. Cristian Rodriguez armou a jogada e passou para Suárez, que tabelou com Lodeiro e invadiu a área. Buffon saiu nos pés do uruguaio e, no rebote, fechou a porta para Lodeiro.

A Itália voltou para o segundo tempo sem Balotelli para se defender. E conseguiu manter o domínio até os 16 minutos, quando Marchisio entrou com a sola da chuteira no joelho de Arévalo Rios e foi expulso. O volante uruguaio já havia recebido o amarelo aos 30 segundos da segunda etapa.

Aos 13, Cristian Rodriguez tabelou com Suárez pela esquerda e chutou cruzado com perigo no canto esquerdo de Buffon. Aos 20, Suárez pegou a sobra na entrada da área e tentou tocar no canto direito do goleiro italiano. Mas Buffon operou o primeiro milagre da partida.

Com um a mais, o Uruguai passou a dominar as ações. Restou à Itália se fechar mais ainda. Cavani pediu pênalti ao se enroscar com Barzagli na área. Suárez e Chiellini trocaram agressões, mas o árbitro não viu. E aos 35 veio o gol uruguaio. "Luisito" cobrou escanteio da direita e o zagueiro Godín saltou mais alto que a defesa para cabecear no canto esquerdo de Buffon.

Aos 39, Pirlo bateu falta para fora. No contra-ataque, aos 43, Suárez abusou dos dribles na frente da defesa italiana e perdeu a chance de definir a partida. Cavani se desesperou, livre, ao lado do companheiro. No fim, a tradição charrua falou mais alto que o tetra italiano e o Uruguai vai às oitavas da Copa do Mundo.

COPA DO MUNDO, GRUPO D, 24/6/2014

ITÁLIA

Buffon; Barzagli, Bonucci e Chiellini; Darmian, Pirlo, Verratti (Thiago Motta 29'/2ºT), Marchisio e De Sciglio; Balotelli (Parolo INT) e Immobile (Cassano 25'/2ºT)

Técnico: Cesare Prandelli

URUGUAI

Muslera; Giménez, Godín e Cáceres; González, Arévalo Rios, Cristian Rodriguez (Ramirez 32'/2ºT), Lodeiro (Maxi Pereira INT) e Álvaro Pereira (Stuani 17'/2ºT); Suárez e Cavani

Técnico: Oscar Tabárez

Gol: Diego Godín (U), aos 35 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos: Balotelli, De Sciglio (I); Arévalo Rios (U)

Expulsão: Marchisio (I)

Arbitragem: Marco Rodriguez, auxiliado por Marvin Torrentera e Marcos Quintero

Público: 39.706 pessoas

Local: Arena das Dunas, Natal

Baixe o aplicativo Além do Campo, da Liga dos Fanáticos, e siga as seleções da Copa:

Android

https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.gruporbs.ligadosfanaticos&hl=pt_BR

IOS

https://itunes.apple.com/br/app/liga-dos-fanaticos-alem-do/id658232969?mt=8

ZH ESPORTES
 Veja também
 
 Comente essa história