Chapecoense pode superar melhor campanha catarinense na Sul-Americana sul-americana,chapecoense,libertad paraguai,libertad,chapecó,torcida,arena condá/Especial

Chapecoense faz história agora em âmbito internacional

Foto: sul-americana,chapecoense,libertad paraguai,libertad,chapecó,torcida,arena condá / Especial

A classificação da Chapecoense para as quartas de final da Copa Sul-Americana é histórica e iguala o melhor catarinense, que alcançou a mesma fase recentemente. Agora, o Verdão almeja eliminar o atual campeão da Libertadores e da própria Sul-Americana para ser a melhor campanha do Estado no torneio continental.

Chape faz história e se classifica para enfrentar o River Plate
"A torcida bateu os pênaltis junto", comemora Guto Ferreira
Chapecoense cutuca River Plate pelo Twitter: "Estamos llegando"

Em 2010, o Avaí fez boa campanha na competição continental e acabou eliminado nas quartas de final para o Goiás, que acabaria terminando a competição como vice-campeão, ao perder para o Independiente nos pênaltis.

Naquela oportunidade, o Avaí avançou a primeira fase nacional após eliminar o Santos. No primeiro jogo, no Pacaembu, a equipe catarinense derrotou os paulistas por 3 a 1. Na Ressacada, derrota por 1 a 0, mas vaga nas oitavas garantida.

Leia mais sobre a Chapecoense
Confira a tabela da Série A

Nas oitavas de final, o Leão eliminou um rival estrangeiro, assim como fez a Chapecoense na noite desta quarta-feira. O clube azurra perdeu por 2 a 1 para o Emelec, no Equador. Na volta, vitória por 3 a 1 e vaga nas quartas de final sacramentada.

Nas quartas de final, o Avaí começou melhor e arrancou um empate por 2 a 2 com o Goiás, no Serra Dourada. No entanto, em Florianópolis, os goianos foram melhores, venceram por 1 a 0 e eliminaram os catarinenses. O Goiás ainda eliminaria o Palmeiras na semifinal e cairia apenas para o Independiente. No Brasil, vitória por 2 a 0 sobre os argentinos. Em Buenos Aires, derrota por 3 a 1 no tempo normal e, nos pênaltis, 5 a 3 para o Independiente.

A melhor campanha catarinense em torneios internacionais, no entanto, continua com o Criciúma, que, como campeão da Copa do Brasil de 1991, disputou a Libertadores de 1992 e alcançou as quartas de final da competição, sendo eliminada pelo São Paulo, que seria o campeão daquele ano.

Clique na imagem e acesse o Guia Online do Campeonato Brasileiro
Guia Online do Campeonato Brasileiro

DIÁRIO CATARINENSE - Chapecó
 Veja também
 
 Comente essa história