Clayton faz dois, Figueirense vence o Flamengo e deixa a zona de rebaixamento Charles Guerra/Agencia RBS

Foto: Charles Guerra / Agencia RBS

Nos pés de Clayton o Figueirense deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O atacante de 19 anos foi o cara do jogo na vitória por 3 a 0 sobre o Flamengo. Autor dos dois primeiros gols do Furacão, o jogador criado na base se isolou ainda mais na artilharia do time na temporada com 15 tentos anotados.

Clayton após vitória: "Time encaixou"
Roberto Alves: "Uma das melhores partidas do Figueirense na Série A
Rodrigo Faraco: "Imposição e conquista na vitória do Figueirense"

O Estádio Orlando Scarpelli também voltou a ser preponderante para o sucesso na noite de ontem. A torcida correspondeu a diretoria e bateu o recorde de público no Brasileirão, com 13.378 pessoas em campo. Essa atmosfera criou um clima perfeito para a reação alvinegra.

Veja como foi a partida no nosso lance a lance
Leia mais sobre o Figueirense
Confira a classificação da Série A

O início do jogo foi de muita pressão e Furacão só não abriu o placar porque Clayton ainda não tinha calibrado a pontaria. Mas isso mudou aos 21 minutos do primeiro tempo quando Yago encontrou Clayton dentro da área e o atacante com um toque fez o primeiro do Figueira.



Naturalmente, depois do gol o Figueirense começou a segurar mais o jogo. O Flamengo cresceu na partida, mas não por muito tempo. Novamente Clayton acabou com o ímpeto da equipe carioca. Depois de cruzamento de Juninho, a promessa alvinegra concluiu a gol. Paulo Victor defendeu e no rebote o próprio Clayton empurrou a bola para o gol.

Clayton e Dudu velocidade e gols

Um dos méritos do técnico Hudson Coutinho foi ter encontrado um jeito de jogar. Depois de vários resultados negativos seguidos, o treinador poupou os titulares contra o Santos — nas quartas de final da Copa do Brasil — e isso deu tempo para ele preparar melhor a equipe contra o Goiás. Foi assim que o time conseguiu vencer o Esmeraldino, partida essa que teve Dudu como destaque.

Lá em Goiânia a dupla Clayton e Dudu já mostrava que poderia dar certo. Mas foi no Scarpelli que eles provaram que são os atacantes perfeitos para garantir o time na elite do futebol nacional. Depois de fazer dois gols, Clayton ainda fez uma bela jogada que terminou com o terceiro gol do Furacão, marcado por Dudu — que garantiu a vitória e tirou o time da zona de rebaixamento.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE (3)

Alex Muralha; Leandro Silva, Bruno Alves, Thiago Heleno, Juninho (Marquinhos Pedroso); Fabinho, João Vitor, Yago (Bruno Dybal), Rafael Bastos (Thiago Santana); Clayton e Dudu

Técnico: Hudson Coutinho

FLAMENGO (0)

Paulo Victor; Pará, César Martins, Samir, Everton; Márcio Araújo, Canteros (Matheus Sávio), Alan Patrick, Paulinho (Almir); Kayke e Emerson Sheik (Gabriel)

Técnico: Oswaldo de Oliveira

Gols: Clayton (F), aos 21 minutos do 1º tempo. Clayton (F), aos 20 e Dudu (F), aos 42 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Thiago Heleno (F); Emerson Sheik (FL)
Arbitragem: Anderson Daronco (FIFA), auxiliado por José Javel Silveira e Rafael da Silva Alves (trio de RS)
Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis
Publico total: 13.378
Renda: R$ 458.380,00

Clique na imagem e acesse o Guia Online do Campeonato Brasileiro
Guia Online do Campeonato Brasileiro 

DIÁRIO CATARINENSE
 DC Recomenda
 
 Comente essa história