Gilson Kleina lamenta erros da defesa do Avaí: "Temos que saber reagir" Charles Guerra/Agência RBS

Foto: Charles Guerra / Agência RBS

Com a pior defesa do Campeonato Brasileiro, com 52 gols sofridos, o Avaí vive uma situação delicada. O time está na beira da zona de rebaixamento e precisa de 12 pontos para não cair para a Série B.

Avaí perde para o Palmeiras e vê Z-4 mais próximo
Leia mais do Avaí
Confira a tabela da Série A

A derrota para o Palmeiras ainda reverbera na Ressacada. Isso porque o técnico Gilson Kleina não consegue corrigir os erros da defesa, que mais uma vez fizeram o time perder.

— A gente tem que minimizar o erro. Tomar gol faz parte do jogo e reagir também. Temos que ter esse poder de reação. Nós que estamos na parte de baixo da tabela oscilar é normal, mas não podemos deixar de ser aguerridos — analisou o treinador azurra.

Mesmo com uma situação bem delicada, o técnico acredita que o Leão vai permanecer na elite do futebol nacional.

— Tem que ter confiança e acreditar no trabalho até o final. Não tem como chegar aqui e contar história. Temos que sair dessa e temos condições para isso, já mostramos no campeonato. Serão sete finais e não existe jogo fácil — completou o treinador.

Na bronca com a arbitragem

O treinador também reclamou da arbitragem de Marcelo de Lima Henrique. Segundo ele o impedimento mal marcado de André Lima no primeiro tempo, quando o atacante partia para o ataque, prejudicou o Leão.

— O impedimento que não é dado nos complica. O André sairia na cara do gol. Na dúvida para eles (Palmeiras) eles deixam rolar quando a dúvida é para nós marcam — disse Kleina.

Clique na imagem e acesse o Guia Online do Campeonato Brasileiro
Guia Online do Campeonato Brasileiro

DIÁRIO CATARINENSE
 Veja também
 
 Comente essa história