Guto Ferreira comemora vantagem de seis pontos da Chapecoense para o Z-4 Sirli Freitas/Especial

Foto: Sirli Freitas / Especial

Numa rodada em que os seis times que estavam atrás da Chapecoense ou perderam ou empataram a igualdade diante do Avaí até foi considerada boa pelo técnico Guto Ferreira.

- Não foi exatamente o que a gente queria mas se a gente olhar para a tabela a gente avançou — disse o técnico Guto Ferreira, na entrevista coletiva.

Gol anulado do Avaí é o lance polêmico do clássico contra a Chapecoense
Chapecoense e Avaí empatam sem gols na Arena Condá

Com o ponto conquistado diante do Avaí a Chapecoense aumentou de cinco para seis pontos a vantagem sobre o Coritiba, primeiro na zona da degola, e que perdeu em casa para o São Paulo.

O técnico da Chapecoense disse que é muito importante não mexer na estrutura da tabela nessas rodadas finais, principalmente para um time que está em vantagem sobre os concorrentes.

- A cada jogo que nós vencermos os demais terão que vencer dois a mais — analisou.

Veja outras notícias sobre a Chapecoense
Confira a tabela da Série A

E agora restam apenas seis rodadas para o final do campeonato. A Chapecoense está com 39 pontos e o presidente do clube, Sandro Pallaoro, já projeta permanência com 42 pontos. Com 45 estaria garantido.

Guto Ferreira também elogiou a postura da torcida, que encarou a chuva para a apoiar o time. Ele disse que, desde o jogo contra o Libertad, quando o time se classificou nos pênaltis para a terceira fase da Copa Sul-Americana, há um casamento entre o time e a torcida.

O técnico ressaltou ainda a postura de seus jogadores, que vêm de uma maratona de jogos, viagem para a Argentina, volta de ônibus de Florianópolis e mesmo assim mostrou dedicação em campo.

- Poder treinar um grupo que tem essa força de superação é muito bom — concluiu.

 

Clique na imagem e acesse o Guia Online do Campeonato Brasileiro
Guia Online do Campeonato Brasileiro

DIÁRIO CATARINENSE - Chapecó
 DC Recomenda
 
 Comente essa história