Melo brilha, vai à final em Xangai e busca o 2º título no Masters 1000 Ron Angle/Vipcomm

Foto: Ron Angle / Vipcomm

Segue a ótima fase de Marcelo Melo e a invencibilidade da parceria com o sul-africano Raven Klaasen. Neste sábado os dois se garantiram na decisão do Masters 1000 de Xangai, na China, e buscarão o segundo título em dois torneios.

Confira mais notícias de tênis

Melo e Klaasen derrubaram a parceria oitava favorita formada por Rohan Bopanna, da Índia, e Lukasz Kubot, da Polônia, por 2 sets a 1 com parciais de 6/3 6/7 (7/1) 10/7.

Foi a segunda parceria cabeça de chave eliminada por eles na chave onde vão buscar o troféu diante dos italianos campeões do Australian Open, Simone Bolelli e Fabio Fognini.

Melo joga com Klaasen por conta da ausência de Ivan Dodig, com o qual foi campeão em Roland Garros, dos torneios asiáticos para melhorar seu ranking de simples em eventos europeus challenger.

— Hoje tivemos poucas chances e o mais importante foi ter ficado no jogo até o final, especialmente no matchtiebreak, onde estávamos perdendo por 4/1, saque deles. Estamos aproveitando toda a confiança dos jogos nos momentos importantes, e com certeza isso está sendo a chave para a vitória — comentou Melo.

Marcelo foi campeão em Xangai em 2013 junto com Dodig e busca o segundo título e consequente segundo Masters 1000 da carreira.

Ele já garante 600 pontos e vai ficando ainda mais perto dos irmãos Bob e Mike Bryan na disputa pelo número 1, reduzindo no momento para cerca de 900 pontos a desvantagem. Caso vença o caneco ficaria a cerca de 500 pontos.

*LANCEPRESS
LANCEPRESS
 Veja também
 
 Comente essa história