Ceni começa carreira com título da Florida Cup com o São Paulo Gregg Newton / AFP/AFp

Foto: Gregg Newton / AFP / AFp


Rogério Ceni iniciou com pé direito a sua trajetória como técnico do São Paulo. Em vitória nos pênaltis (4x3) em cima do grande rival Corinthians, na final da Florida Cup 2017, o time do Morumbi se sagrou campeão após empate por 0 a 0 no tempo regulamentar.

Em partida disputada no Bright House Networks Stadium, em Orlando, na Flórida, o time do Morumbi chegou ao título após dois empates sem gols contra River Plate, da Argentina, na quinta-feira, e Corinthians no sábado. O Tricolor contou com a estrela de Sidão nas duas decisões por pênaltis. O goleiro repetiu a dose da partida passada e defendeu duas cobranças, desta vez de Fellipe Bastos e Marciel.

A partida no estádio da UCF começou com o São Paulo melhor posicionado e buscando as melhores alternativas de ataque. Aos 17 minutos, porém, Bruno disputou bola com Marquinhos Gabriel, cometendo falta no corintiano.

O lance gerou desentendimento generalizado entre jogadores dos dois clubes. Após a confusão, o árbitro expulsou Maicon, do lado do São Paulo, e Kazim, do Corinthians.

Na segunda etapa, o São Paulo seguiu melhor, mas não conseguiu chegar com grande perigo ao gol de Cássio. Aos poucos, o Corinthians foi equilibrando o jogo. Aos 21, Giovanni Augusto cruzou para Romero cabecear à esquerda do gol de Sidão.

Após o título do São Paulo nas penalidades, os técnicos aprovaram a participação na Florida Cup 2017. Rogério Ceni, que completa 44 anos neste domingo, elogiou a competição.

– A Florida Cup vem tendo destaque, espero que continue sendo um torneio de sucesso que trague o brasileiro aos Estados Unidos. Eu acho muito bacana ter grandes equipes participando da competição – disse.

Ceni também elogiou a postura dos jogadores no torneio.

– Nós tivemos 15 sessões de treinamento apenas e o mais legal foi a mentalidade que esse time entrou em campo, principalmente contra o River Plate no primeiro jogo, quando tivemos a oportunidade de pressionar bastante e jogar bem compacto.

No rival Corinthians, o técnico Fábio Carille comentou o clima de rivalidade entre os times.

– O sentimento é de que o início do trabalho está muito bom, pois voltamos a treinar há apenas 11 dias – completou o técnico do Timão.

 Veja também
 
 Comente essa história