Kelly Slater busca o título mundial pela última vez: "Não terei mais uma temporada completa" Poullenot/WSL

Surfista pretende disputar algumas etapas em 2018

Foto: Poullenot / WSL

Após anunciar que lutaria pelo título mundial pela última vez nesta temporada, o surfista americano Kelly Slater afirmou que estará na temporada em 2018, porém participando de algumas etapas. Aos 45 anos, ele participa da sua 25ª temporada do WCT, com 11 títulos mundiais na bagagem.

– Eu posso continuar, só não terei mais uma temporada completa. Eu não me vejo parando completamente nos próximos anos, mas uma temporada completa já não me atrai tanto. Se eu me sentir saudável, der tudo nesta temporada e mesmo assim ficar sem o título, não me vejo disputando o campeonato inteiro mais. Eu sinto que, nos últimos quatro ou cinco anos, eu não dei tudo que poderia – disse à Surfline.

Leia mais:
Sogipa receberá R$ 2,7 milhões para apoiar formação de atletas olímpicos
Ministro do esporte explica o abandono do Parque Olímpico
Rio Open de tênis começa com Nishikori como atração principal

No ano passado, Slater terminou em sétimo lugar e brinca de desde 1998 ele convive com o fantasma da aposentadoria, já que o surfe não está acostumado com a grande longevidade dos competidores.

Em 2011, Kelly se tornou o surfista mais velho a conquista um título mundial, aos 39 anos. Hoje, ele soma 11 troféus da Liga Mundial de Surfe (WSL, em inglês): 1992, 1994, 1995, 1996, 1997, 1998, 2005, 2006, 2008, 2010, 2011.

*LANCEPRESS


 DC Recomenda
 
 Comente essa história