Capitão do Figueirense não quer desânimo após derrota: "Se colocar a cabeça no buraco é pior" Luiz Henrique/F.F.C

Foto: Luiz Henrique / F.F.C

O sinal de alerta está ligado no Figueirense. Após duas derrotas seguidas, o time ainda não pontuou no returno do Catarinense e precisa reagir rápido se quiser ter chances de brigar pelo título da segunda fase da competição. Fora dos gramados, o clube anunciou a contratação de um novo gerente de futebol, Carlos Arini, que será apresentado nesta sexta-feira. E, dentro das quatro linhas, a palavra de ordem é: trabalho.

É o que garante o capitão do Furacão, Bruno Alves. Fora do revés por 2 a 0 para o Joinville (cumpriu suspensão) o capitão volta ao time no confronto desta quarta-feira, às 21h45min, contra o Inter de Lages, fora de casa. Bruno Alves não quer saber de desânimo entre os jogadores, apesar da situação, ele diz que a responsabilidade pelos maus resultados também é dos atletas e que não tem jeito, é preciso continuar trabalhando e acreditando.

- Dificuldades vão existir, mas temos que estar firmes, juntos, para tirar o Figueirense dessa situação. Márcio (Goiano) está passando tranquilidade para gente. Precisamos saber que a responsabilidade é nossa. Temos que abraçar a causa e buscar a vitória o mais rápido possível. Contra o Inter vai ser dificuldade, mas temos total condição de fazer um bom jogo e resgatar a confiança - explicou o jogador.

Na tabela de classificação do returno do Estadual, o Figueira está na lanterna sem nenhum ponto marcado. O adversário de quarta e o sétimo colocado, com um pontinho.

- A gente sabe que a situação não está fácil, mas o Figueirense é muito grande para não pensar no título. Enquanto tiver chance temos que trabalhar, lutar até o fim e o jogo contra o Inter é um confronto direto na parte de baixo e a vitória nos joga lá para cima. Não podemos desanimar. Na vida, quando tem dificuldade, se colocar a cabeça no buraco é pior ainda - completou o capitão alvinegro. 

Saiba mais:
Figueirense perde em casa para o JEC e continua sem pontuar no returno
Roberto Alves: Figueirense fecha com Carlos Arini para lugar de Léo Franco
Presidente do Figueirense anuncia demissão de Branco e de Léo Franco
Acesse a tabela do Catarinense
Leia mais sobre o Figueirense

 DC Recomenda
 
 Comente essa história