Após UFC desistir de luta contra GSP, Bisping revela lesão no joelho Niklas Halle'n/AFP

Bisping não luta desde outubro do ano passado, quando venceu Dan Henderson

Foto: Niklas Halle'n / AFP

O UFC desistiu de marcar a disputa de cinturão dos médios entre Michael Bisping e Georges St. Pierre. Por isso, a expectativa era que Bisping defendesse o cinturão contra o cubano Yoel Romero, primeiro colocado no ranking. No entanto, o inglês revelou que não poderá lutar nos próximos meses.

— É uma bênção disfarçada, porque eu não vou poder lutar tão cedo. Não consigo treinar, porque estou com sérios problemas no meu joelho. Já estava sentindo isso na Tailândia, e não melhorou nada. É uma longa história, mas a verdade é que não vou poder lutar por algum tempo. Por isso, o cenário acabou sendo perfeito para mim — disse o campeão, em entrevista ao podcast Believe You Me.

Leia mais:

Com problemas pessoais, Germaine de Randamie pode abandonar título do UFC
GSP recusa luta com Anderson Silva: "Não é mais o mesmo"
Demetrious Johnson tira foto com seus 10 cinturões do UFC

Apesar da versão de Dana White, Bisping garantiu que não recebeu nenhuma confirmação do UFC de que a luta contra GSP não vai acontecer.

— Até o momento o UFC não tem nenhuma posição oficial. Eu e Georges estamos esperando. Me ofereceram esta luta duas vezes. Primeiro em outubro, e nada aconteceu. Depois, em janeiro ou fevereiro, e as coisas caminharam. Fizemos a coletiva, apertamos as mãos e falamos um monte de besteiras em Las Vegas. Ainda não assinamos o contrato, mas o plano é que lutemos — explicou.

Para os próximos meses, não está descartada a possibilidade da abertura de um cinturão interino dos médios — Yoel Romero, Luke Rochold, Robert Whittaker e Gegard Mousasi são os quatro primeiros do ranking.

Bisping tem sido um campeão pouco ativo. Desde conquistou o cinturão em junho do ano passado, só fez uma defesa — contra Dan Henderson, em outubro de 2016. Se não fizer uma nova luta até novembro, baterá o recorde de inatividade para um campeão na história da categoria dos médios no UFC, criada em setembro de 2001.

 DC Recomenda
 
 Comente essa história