Grampola marca dois gols e Joinville vence o Ypiranga na Arena Maykon Lammerhirt/Agencia RBS

Grampola foi o autor dos gols do Tricolor

Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

Em um jogo marcado pelas chances de gol desperdiçadas e pênaltis defendidos, o Joinville foi mais eficiente e derrotou o Ypiranga, de Erechim (RS), por 2 a 1, neste domingo, na Arena. Com o resultado, o JEC subiu duas posições na tabela de classificação e passou a ocupar o quinto lugar no Grupo B da Série C do Brasileiro, com 14 pontos. O Ypiranga, por sua vez, parou nos 13 pontos e está logo atrás do JEC na tabela.

Leia as últimas notícias sobre o Joinville Esporte Clube no AN.com.br

Nesta segunda-feira, a rodada de abertura do returno será completada com a partida entre Botafogo, quarto colocado com 14 pontos, e Bragantino, nono colocado, com dez. Só uma goleada do Bragantino por quatro gols de diferença pode tirar o Joinville da quinta posição. No próximo sábado, às 18h, o JEC enfrenta o Volta Redonda fora de casa, um adversário direto na briga por uma vaga no G4 do Grupo B da Série C.

Em sua terceira partida no comando do JEC, o técnico Pingo manteve a base do time que ganhou do Bragantino e empatou com o Mogi Mirim fora de casa. A novidade, desta vez, era a estreia do zagueiro Charles no lugar de Danrlei. Nos primeiros dez minutos, o JEC encontrou muitas dificuldades para atacar o adversário, dono da melhor campanha fora de casa na Série C. Ainda assim, o time achou uma brecha e conseguiu uma penalidade aos 13 minutos, quando o zagueiro Everton colocou a mão na bola dentro da área. O atacante Grampola bateu no canto e o goleiro Carlos defendeu.

Parecia uma tarde infeliz para o camisa 9 tricolor, mas bastaram alguns minutos para a situação mudar por completo. Aos 30, após falha da defesa do Ypiranga, Grampola recebeu passe de Ricardo Lobo e bateu cruzado para fazer 1 a 0. A torcida ainda comemorava o gol quando o atacante do JEC ampliou. Aos 33, ele roubou a bola da defesa adversária e na saída do goleiro Carlos tocou por cobertura, um golaço. Com a vantagem de 2 a 0, o JEC cresceu e passou a criar boas chances para aumentar o placar, mas pecou em todas as finalizações.

No segundo tempo, quando o torcedor imaginava um desempenho melhor do time, o que se viu em campo foi o contrário. A equipe de Pingo recuou muito e acabou pressionada pelo adversário, que teve um pênalti a seu favor. Aos 27 minutos, o lateral Buiu derrubou o atacante Andre Luis na área e o árbitro marcou pênalti. Vandinho, ex-Avaí, cobrou e desta vez foi o goleiro Matheus que defendeu. Na sequência, o atacante Ricardo Lobo teve a chance para marcar para o JEC, mas aí foi o goleiro Carlos que salvou.

O Ypiranga continuou em cima e descontou aos 34, com William Kozlowski. O jogo seguiu aberto nos minutos finais, com o JEC tendo três grandes chances para aumentar o placar. Menos mal que os erros, desta vez, não prejudicaram e o time conseguiu o segundo triunfo consecutivo na Arena.

A NOTÍCIA
 Veja também
 
 Comente essa história