Barroso desiste e Copa Santa Catarina volta a ser discutida Divulgação / FCF/FCF

Nova reunião na quinta-feira irá definir o encaminhamento da Copa Santa Catarina sem a presença do Barroso

Foto: Divulgação / FCF / FCF

A Copa Santa Catarina terá mais mudanças. No fim de semana, o Almirante Barroso anunciou que não irá participar da competição. A desistência do clube de Itajaí deixou o torneio com apenas quatro participantes – Joinville, Brusque, Inter de Lages e Tubarão. Em razão da baixa, os atuais participantes estiveram reunidos nesta segunda-feira, na sede da Federação Catarinense de Futebol (FCF), para elaborar uma estratégia que mantenha vivo o torneio.

Leia as últimas notas de Elton Carvalho 
Confira as últimas notícias do esporte 

E o que ficou acertado é um convite ao campeão da Segunda Divisão do Campeonato Catarinense. Este clube substituirá o Barroso e a competição teria a mesma tabela e fórmula de disputa. Agora, resta a aprovação dos clubes da Segunda Divisão do Catarinense.

Uma nova reunião com Joinville, Brusque, Inter de Lages, Tubarão e os clubes da Segunda Divisão ocorrerá na próxima quinta-feira. Nela, será ou não homologado o convite ao campeão da Série B do Estadual. 

No entanto, ainda há risco de o torneio não sair. Os atuais participantes não querem correr o risco de, no futuro, o campeão da Série B do Estadual desistir. Se ele não jogar, não haverá substituição e a Copa Santa Catarina poderá ser cancelada.

Por enquanto, a atual fórmula de disputa prevê cinco times jogando entre si, em turno e returno. O campeão do turno, o campeão do returno e os dois melhores pelo índice técnico avançam às semifinais. O campeão da Copinha leva a vaga na Copa do Brasil de 2018.



 Veja também
 
 Comente essa história