Dos 22 jogadores finalistas da Liga dos Campeões, pelo menos cinco não estarão na Copa Oli SCARFF/AFP

Foto: Oli SCARFF / AFP

A final da Liga dos Campeões entre Real Madrid e Liverpool vai opor jogadores que estarão na Rússia na Copa do Mundo, em junho. Dos dois times, pelo menos cinco atletas seguramente não estarão no Mundial, e outros quatro não estão entre os prováveis convocados para as seleções de seus países.

Entre os que não vão porque as seleções não conseguiram classificação estão Gareth Bale (País de Gales), do Real Madrid, Van Dijk (Holanda), Wijnaldum (Holanda) e Robertson (Escócia), os três do Liverpool. O centroavante Benzema, do clube espanhol, também vai ficar de fora, mas porque informou à federação francesa de futebol que não defende os Bleus.

Entre as dúvidas estão quatro jogadores. No Real, Lucas Vasquez não está cotado para defender a Espanha na Rússia. Pelo lado vermelho, Alexander-Arnold e Milner não têm sido chamados para a seleção inglesa. O goleiro Karius vive situação semelhante, na Alemanha.

Entre os titulares dos dois times, o Brasil é o país que terá mais jogadores em ação no jogo de disputa pela taça: o lateral-esquerdo Marcelos e o volante Casemiro serão cedidos pelos merengues, enquanto o atacante Roberto Firmino sai do Liverpool para se juntar ao grupo do técnico Tite.

Croácia e Espanha são as seleções com mais aparições na sequência, com duas cada. Entre os croatas estão Modric (Real) e Lovren (Liverpool) e os espanhóis aparecem com Sergio Ramos e Asensio (Real Madrid). Além do Brasil e fora do continente europeu estão o goleiro costarriquenho Keylor Navas (Real) e os atacantes Sadio Mané (Senegal, Liverpool) e Salah (Egito, Liverpool).

A final da Liga dos Campeões está marcada para o dia 26 deste mês, em Kiev, na Ucrânia. A Copa do Mundo inicia no dia 14 de junho.

Leia mais notícias sobre a Copa do Mundo
Confira a tabela de jogos da Copa da Rússia  

 Veja também
 
 Comente essa história