VÍDEO: Cristiano Ronaldo explica cavanhaque e diz que vai deixá-lo até o fim da Copa YURI CORTEZ / AFP/AFP

Nesta quarta-feira (20), Cristiano Ronaldo marcou único gol da vitória de Portugal sobre Marrocos

Foto: YURI CORTEZ / AFP / AFP

Mais uma vez decisivo para a seleção de Portugal, marcando o único gol da vitória sobre o Marrocos, nesta quarta-feira (20), Cristiano Ronaldo, dessa vez, não comemorou coçando o queixo, como fez no jogo contra a Espanha. Porém, apareceu de cavanhaque, o que poderia ser mais uma referência a bode e uma possível provocação a Messi.

No entanto, em entrevista à Fifa, o jogador português desconversou e disse que o novo visual — normalmente ele usa a cara limpa — é fruto de brincadeira com um colega de seleção:

— Foi uma brincadeira que fiz com o Quaresma. Estávamos na sauna, comecei a fazer a barba e deixei. Disse que se fizesse gol contra a Espanha, deixaria até o final do Mundial. Deu sorte. Marquei gol, marquei hoje (quarta-feira) também e deu para manter.

Direto da Rússia: Veja também as publicações de Cacau Menezes e Roberto Alves 


Assista à entrevista:

Nas redes sociais, especulou-se que as atitudes de CR7 — a coçada na barba e o cavanhaque —  foram uma referência a goat, termo em inglês que significa bode. Porém, também é a abreviação de Greatest of all time — o melhor de todos os tempos. A polêmica é se essa seria uma provocação a Messi, já que, no começo de junho, o argentino posou para a revista americana Paper ao lado de um bode. 

Se é a "barba da sorte" e se aposta com Quaresma é verdade ou não, não se sabe. Verdade é que, por enquanto, o artilheiro isolado da Copa 2018 está apenas com uma barbicha — o que é mais um motivo para compará-lo a Messi. 

Veja alguns memes da polêmica:

Foto: Arte DC


 Veja também
 
 Comente essa história