JEC deve lançar campanha de financiamento coletivo para montar departamento de inteligência  Beto Lima / JEC/JEC

Foto: Beto Lima / JEC / JEC

A falta de recursos obriga o Joinville a buscar soluções criativas para suprir suas necessidades. Por este motivo, o departamento de marketing do JEC anunciará nos próximos dias uma campanha inédita na história do clube: um crowdfunding (financiamento coletivo) para a estruturação de um setor de inteligência no departamento de futebol.

Desde que chegou ao JEC, o gerente de futebol Agnello Gonçalves tem solicitado a criação de um setor de inteligência. A ideia é contar com equipamentos como GPS, câmera, programas de monitoramento e computadores específicos para avaliar o desempenho dos atletas. 

Sem os R$ 128 mil necessários para a compra destes aparelhos, o marketing do JEC pensou em criar o crowdfunding, a exemplo do que fizeram grandes clubes do País, como Vasco (na reforma de São Januário) e Fluminense (na organização da festa de 116 anos). 

O Tricolor ainda não decidiu qual plataforma de crowdfunding irá utilizar, mas o plano é seguir o padrão das "vaquinhas virtuais" espalhadas pela rede. O JEC também enxerga neste plano uma maneira de mostrar credibilidade a partir do novo trabalho que vem sendo realizado pela diretoria.

— Queremos deixar muito claro cada detalhe do orçamento para o torcedor saber exatamente onde está indo a doação dele na compra destes equipamentos — explicou o gerente de marketing, Thiago Meira

A campanha não tem data para ser lançada, mas surgirá "o mais breve possível" segundo Thiago. Assim que ela for lançada, surgirão as informações de como doar, quais valores e de que maneira o clube pretende recompensar o torcedor por esta ajuda.

Sem evento
O marketing do JEC ainda confirmou que não realizará nenhum evento para divulgar os benefícios dos novos planos de sócios. Em razão do custo, o Joinville abriu mão do encontro. O plano agora é utilizar as ferramentas digitais para informar aos sócios quais são os parceiros do Clube do Coelho. 

Para melhorar esta comunicação, o Joinville está inclusive contratando um profissional específico para esta missão. O atendimento direto ao sócio também ganhará reforço: passará a ter quatro pessoas, duas a mais do que o atual quadro. 

 Veja também
 
 Comente essa história