O finlandês Valtteri Bottas, pole, e seu companheiro britânico, Lewis Hamilton (Mercedes), conquistaram as duas primeiras posições do grid de largada do Grande Prêmio do Azerbaijão de Fórmula 1, quarta prova da temporada, que será disputada no domingo.

Da segunda linha largam o alemão Sebastian Vettel (Ferrari) e o holandês Max Verstappen (Red Bull). A outra Ferrari, do monegasco Charles Leclerc, terminou em décimo após um acidente no Q2.

"Conseguir (a pole) em minha última volta foi muito satisfatório", disse Bottas. "A equipe fez realmente um trabalho muito bom para estar nesta posição após uns treinos complicados. E eu consegui dar o melhor de mim!"

"A Ferrari parecia incrívelmente rápida" dominando os treinos livres, lembrou Hamilton. "É um resultado absolutamente fantástico para nós".

"Viemos aqui sem novidades no carro (ao contrário da Ferrari e da Red Bull) então conseguir uma dobradinha na primeira linha... Isso nos deixa em uma baa posição para a corrida", acrescentou o britânico.

Vettel também comentou o resultado: "Eu não acho que eles nos roubaram a pole. Eles foram mais rápidos", reconheceu. Foi difícil pilotar nessas condiçõess, com o sol e a temperatura que baixou".

Leclerc também se acidentou no Q2 na curva 8, a parte mais estreita do circuito urbano de Baku, no mesmo local em que o polonês Robert Kubica (Williams) bateu, no Q1.

Esses dois acidentes provocaram um atraso nos treinos classificatórios que explicam a baixa de temperatura apontada por Vettel.

"Eu fui estúpido. Não fiz meu trabalho hoje. estou muito decepcionado comigo mesmo. Eu mereço completamente. eu fiz uma besteria", acrescentou Leclerc.

* AFP

 Veja também
 
 Comente essa história