Pílulas de saber: Educação farmacológica é um tema que deve se ensinar desde cedo Projeto Imagine/Divulgação

Equipe do Projeto Imagine entre alunos e professores da Escola Itinerante Maria Alice Wolff Souza, na Coxilha Rica, região de Lages-SC

Foto: Projeto Imagine / Divulgação

Você sabe como um remédio de planta ou de farmácia funciona em nosso corpo?

Pois um grupo de alunos interessados em saber isso passou uma semana com professores e alunos do Programa de Pós-Graduação em Farmacologia da UFSC, fazendo atividades práticas para aprender o assunto. Esse foi o Módulo Farmacologia, o terceiro a ser executado pelo projeto de solidariedade internacional Imagine, que teve início há quase três anos no Estado através de pesquisadores vinculados à Universidade Federal de Santa Catarina. Esse assunto agitou alunos e professores da Escola Itinerante Maria Alice Wolff Souza, núcleo da localidade Fazenda do Baú, na Coxilha Rica, região de Lages-SC.

Extensão de horizontes
 
A região da Coxilha tem uma riqueza muito grande de plantas com uso medicinal que é tradicionalmente utilizada. O objetivo desse módulo de farmacologia foi o de fazer com que o estudante entenda melhor o uso de medicamentos sintéticos e os naturais, comparando os prós e os contras. A educação farmacológica é um tema tão fundamental para a sociedade que ela deveria ser incluída nos currículos escolares.

A juventude precisa refletir sobre algo tão cotidiano e sobre que cuidados precisam ter, mesmo com os remédios naturais. Que também podem ser tóxicos como os comprados em farmácia. Atividades de extensão que atendam a sociedade com qualidade faz parte da missão da Universidade Federal de Santa Catarina. Esse projeto instiga a curiosidade dos alunos e os torna mais críticos, mas também procura mostrar para eles que o ensino superior é uma possibilidade real em suas vidas.
 
Imagine

O projeto é coordenado pelo professor titular André de Ávila Ramos. O primeiro módulo aplicado em 2013 teve como tema “DNA, diversidade e hereditariedade” e foi desenvolvido aproveitando a realidade local da Coxilha, como a fauna, a flora e as pessoas que ali vivem.
Em 2014 foi desenvolvido o módulo “Energia”. Agora, o terceiro teve como tema “Remédios — como se sabe que fazem bem”, na área da farmacologia, fechando um ciclo de três módulos em cada comunidade. Após o término do trabalho a equipe se deslocará para Rancho de Tábuas onde iniciará um novo ciclo, recebendo o primeiro módulo “DNA”.

As expedições do Imagine permanecem por uma semana na escola anfitriã, onde montam um verdadeiro laboratório de ciências. Os alunos fazem coletas de material, diversos tipos de experimentos, gráficos e depois discutem seus resultados. Visite a página ou Projeto Imagine no Facebook
 
Confira todas as notícias do Pílulas do Saber
Acompanhe as notícias da Grande Florianópolis
Curta a página da Hora de Santa Catarina no 
Facebook

HORA DE SANTA CATARINA
 DC Recomenda
 
 Comente essa história