Neiva Kieling é empresária e preside o Conselho Nacional da Mulher Empresária (CNME). É também vice-presidente de educação empreendedora da Facisc e está envolvida no programa Geração Empreendedora, presente em 25 escolhas de Santa Catarina e que busca fomentar nos adolescentes a perspectiva empreendedora nos seus projetos de vida. Confira alguns pontos do programa e a a importância da cultura empreendedora na entrevista com Neiva. 

Leia as principais notícias de Estilo de Vida em SC

Veja mais sobre o programa Geração Empreendedora

É difícil empreender?
À medida que se conhece mais sobre as etapas do empreendedorismo, as coisas ficam mais simples. Às vezes se pensa que empreender é um monstro, que tudo é muito difícil, mas não é. Se você estudou, se preparou e buscou ajuda, é mais fácilo

Quais são os aspectos positivos do programa Geração Empreendedora?
Os alunos começam a perceber o que gostam e são instigados a pensar no que querem fazer daqui a 5 ou 10 anos. É um processo de autoconhecimento em que o aluno se enxerga no futuro fazendo algo que já tem em mente agora.

Mas isso acontece no ambiente escolar?
As atividades são realizadas quatro horas por dia e acontecem fora do período escolar, até mesmo fora da escola. A gente busca que esse adolescente comece a se familiarizar com a sociedade comercial para que ele se sinta à vontade de conviver nesse ambiente.

Você entende que falta cultura empreendedora em SC?
O mundo mudou muito. Hoje não se pode fazer negócios de forma amadora, é preciso ter conhecimentos mínimos para fazer isso acontecer. O despertar que fazemos com esses jovens é deixá-los também atentos a essas noções para aumentar suas chances de sucesso. Esse trabalho busca formar uma geração que vá para a universidade e chegue no mercado de trabalho atenta e capaz de observar possibilidades.

Leia também:
Estudantes e professores fazem aula-passeio por prédios históricos do Centro de Florianópolis
Ideb 2015: cidade do Oeste de Santa Catarina está entre as 10 melhores do país no ensino fundamental

 Veja também
 
 Comente essa história