Superlua da próxima segunda-feira será a maior e mais brilhante em quase 70 anos Diorgenes Pandini/Agencia RBS

Foto: Diorgenes Pandini / Agencia RBS

A lua cheia da próxima segunda-feira, 14 de novembro, será a maior e mais brilhante dos últimos 70 anos. Esta é a segunda superlua de 2016, mas é a mais próxima da Terra desde 26 de janeiro de 1948. A próxima vez que a lua chegará tão perto do planeta Terra será daqui a 18 anos, dia 25 de novembro de 2034.

— A órbita da lua em torno da Terra não é um círculo perfeito, mas levemente achatada. Isso significa que ela tem um ponto da órbita que está mais próxima do nosso planeta, chamado perigeu, e outro ponto de afastamento máximo, o apogeu. A superlua ocorre quando a lua cheia coincide coma passagem dela por seu perigeu orbital — explica Marcelo Girardi Schappo, doutor em Física e professor no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

A cada ciclo, a lua passa uma vez pelo perigeu e outra pelo apogeu, mas a superlua só acontece quando o período da lua cheia coincide com a passagem mais próxima da Terra, por isso podemos ter várias superluas em apenas um ano. Neste período, a lua pode aparentar ser até 14% maior e 30% mais luminosa.

Nesta segunda-feira, a lua cheia chegará ao perigeu às 8h56min, há uma distância de 356.511 quilômetros da Terra — são cerca de 50 mil quilômetros mais perto do planeta do que na fase de apogeu, quando o satélite está mais distante. 

Como observar a superlua em SC

Caso o céu não esteja encoberto, o melhor momento para observar a superlua é no quando ela nasce, ao Leste, na segunda-feira será partir das 19h56min.

— A dica é procurar um local com boa visibilidade da lua quando ela nasce, pois pelo fato de ela estar com tamanho aparente cerca de 10% maior que o tamanho médio das luas cheias, a aparência fica ainda mais impressionante quando ela está próxima do horizonte. Isso faz com que nosso cérebro compare o tamanho dela com o tamanho de outras coisas no horizonte,como árvores ou prédios — completa Girardi.

Confira uma lista com sugestões de lugares para ver o fenômeno em Santa Catarina:

Outros fenômenos:

A última superlua de 2016 ocorre no próximo mês, dia 12 de dezembro. Às 21h28min a lua atingirá o perigeu, dessa vez a 358.462 quilômetros de distância. A fase cheia inicia apenas na noite seguinte, mas no dia 12, 95% dela estará iluminada pelo sol e garantirá o fenômeno.

Nos dias 13 e 14 de dezembro será o pico da Chuva de Meteoros Geminidas, uma das mais intensas que temos todos os anos, mas em 2016 será prejudicada justamente pela lua cheia em perigeu e dessa forma fica mais difícil de observar os meteoros cruzando a atmosfera terrestre.

Leia também: 

Cientistas brasileiros descobrem planetas comparáveis à Terra e a Netuno que orbitam estrela, diz site

 Veja também
 
 Comente essa história