Cheira a carne podre o ambulatório vascular do Hospital Regional Homero de Miranda Gomes, em São José. Pacientes com feridas abertas, carne necrosada, pus, dedos dos pés a serem amputados e muita, muita dor, viajam horas do interior de Santa Catarina para conseguir atendimento em alguns dos três principais hospitais do Estado, na Grande Florianópolis. 

Clique na imagem abaixo para ler a reportagem especial:

Confira a reportagem completa sobre a "Crise na Saúde em SC"

 Veja também
 
 Comente essa história