Número de nascimentos cai pela primeira vez no Brasil desde 2010, diz IBGE Simona Balint/Stock.xchng

Foto: Simona Balint / Stock.xchng

O Brasil registrou 2.793.935 nascimentos em 2016, uma redução de 5,1% na comparação com 2015, quando foram contabilizados 2.945.344 nascimentos. Foi a primeira queda desse número desde 2010, segundo a pesquisa Estatísticas do Registro Civil 2016, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada nesta terça-feira (14).

 A região com menor queda foi a Sul (-3,8%) e com a maior redução foi a Centro-Oeste (-5,6%). Entre as unidades da Federação, apenas Roraima apresentou aumento de nascimentos (3,9%). Já Pernambuco teve a maior queda no número de nascimentos (-10%).  O Rio Grande do Sul acumulou um percentual de queda de 4,7%, de acordo com o IBGE.

Segundo o IBGE, os nascimentos no Norte do país têm maior concentração no grupo de idade das mães de 20 a 24 anos (29,6% dos nascimentos), resultado de uma população relativamente mais jovem nessa região em comparação com as demais.

Por outro lado, nas regiões Sul e Sudeste, o maior percentual de nascimentos ocorre entre as mulheres de 25 a 29 anos (Sul, 24,7% e Sudeste, 24,3%), 20 a 24 anos (23,5%) e 30 a 34 anos (22,1%).

Leia mais:
Brasil registra queda no número de casamentos e aumento de divórcios em 2016


 Veja também
 
 Comente essa história