SC registra mais um município infestado pelo mosquito da dengue Salmo Duarte/A Notícia

Foto: Salmo Duarte / A Notícia

Santa Catarina registrou mais um município infestado pelo Aedes aegypti. No relatório divulgado nesta quinta-feira, dia 6, passou a fazer parte da lista Jardinópolis, no Oeste de SC. Agora o Estado soma 76 municípios que enfrentam disseminação de focos do inseto que transmite dengue, zika vírus e chikungunya - um recorde para Santa Catarina.

 Além disso, no período até 1º de dezembro de 2018, foram identificados 14,6 mil focos do Aedes aegypti em 160 municípios. Comparado ao mesmo período de 2017, quando foram identificados 10.681 focos em 144 municípios, houve um aumento de 36,8% 

Doenças

Estado contabiliza 57 casos de dengue, sendo que 44 foram contraídos dentro de SC, 26 em Itapema, sete em Balneário Camboriú e um em Camboriú (10 casos são de local indeterminado).

Já em relação à  febre chikungunya, são 15 casos da doença, sendo quatro autóctones (contraídos dentro do Estado). Sobre o zika vírus, um caso importado foi confirmado em um morador de Piratuba, no Meio-Oeste, que teria contraído a doença no Mato Grosso.


Leia também:

Infestação do mosquito da dengue preocupa em SC

Em 10 anos, focos do mosquito da dengue aumentaram 28 vezes em SC

Um a cada quatro municípios de SC está infestado pelo mosquito da dengue

Reportagem especial: Inimigo invisível

 Veja também
 
 Comente essa história