A falta de balneabilidade das praias desperta a reflexão sobre os impactos da exploração do litoral catarinense e cobra a responsabilidade de quem vive, visita, governa, fiscaliza ou empreende no Estado. Além da situação de Canasvieiras, no norte de Florianópolis, afetada pela contaminação do rio do Braz, outras praias do litoral catarinense agonizam. O Farol de Santa Marta, antigo reduto hippie da década de 1970, hoje sofre com a falta de condições saneamento básico.

Nós #09: Baladas por minuto
Nós #08: Por que nos sentimos inseguros?

Confira reportagem especial do caderno Nós sobre o assunto no link abaixo.


Como a contaminação das praias reflete os limites do modelo de exploração do litoral catarinense


 Veja também
 
 Comente essa história