Crianças e adolescentes com membros mutilados em atividades de risco são o retrato da exploração da mão de obra infantojuvenil em Santa Catarina. Os acidentes com menores de 18 anos cresceram 77% no ano passado, o que coloca o Estado como o quarto do país em número de casos.

Clique na imagem abaixo e confira a reportagem especial.


trabalho infantil jovens mutilados

  * Todas as entrevistas foram concedidas na presença de adultos e com autorização dos responsáveis pelos jovens.  

 Veja também
 
 Comente essa história