Número de mortes por causa da chuva em Santa Catarina atinge 84 Adriana Franciosi/

Veja os estragos da chuva pelo Estado

Foto: Adriana Franciosi

O número de mortos por causa da chuva em Santa Catarina já chega a 84. Mais três corpos foram encontrados na tarde desta terça-feira em Ilhota, no Vale do Itajaí . Outros sete corpos foram encontrados na tarde desta terça em Blumenau. A Defesa Civil havia informado que os mortos em Gaspar eram 17, mas corrigiu o número para 15.

A Defesa Civil não soube informar se os mortos em Blumenau e Ilhota foram vítimas de deslizamentos de terra ou alagamentos.

Sob os escombros de uma casa destruída por deslizamento de terra na localidade de Sertão Verde, no município de Gaspar,  já haviam sido encontrados três corpos de pessoas de uma mesma família por volta das 14h30min desta terça-feira.

Débora Mendonça, 26 anos, a filha Ester, três anos, e a sobrinha Jéssica, 15 anos, estavam em uma residência que foi invadida pelo barro na tarde de domingo. Há a suspeita de que outras quatro pessoas da mesma família também estejam soterradas.

O corpo de um homem foi encontrado no início da tarde desta terça-feira pelas equipes de resgate sob a terra que deslizou no domingo na SC-401, rodovia que liga o Centro ao Norte da Ilha de Santa Catarina.

A família de Ricardo Dias de Oliveira, de 34 anos, confirmou que o corpo é dele. Oliveira era o motorista de um caminhão, com placas de Carazinho (RS), que foi soterrado.

O corpo de uma mulher de 76 anos foi encontrado pouco depois do meio-dia desta terça-feira em São Pedro de Alcântara, na Grande Florianópolis. Maria das Neves Coelho Laurentino estava numa loja de aluguel de roupas, na Estrada Geral de São Pedro de Alcântara, soterrada por um deslizamento de terra por volta das 10h. As equipes de resgate levaram mais de duas horas para chegar ao local onde estava o corpo.

A Defesa Civil de Santa Catarina informou na manhã desta terça-feira que foram registradas mais duas mortes por afogamento em Itajaí, no Litoral Norte do Estado, uma das cidades mais atingidas pela cheia. Foram as duas primeiras mortes registradas em Itajaí.

Blumenau, a cidade mais destruída pelos deslizamentos e alagamentos, contabiliza 20 mortes. Ilhota, no Vale do Itajaí, aparece em segundo lugar, com 15 falecimentos.

Oito municípios estão isolados: São Bonifácio, Luiz Alves, São João Batista, Rio dos Cedros, Garuva, Pomerode, Itapoá e Benedito Novo.

De acordo com a Epagri, nos próximos dias deve continuar chovendo, mas com menos intensidade.

DIARIO.COM.BR
 Veja também
 
 Comente essa história