Avaí faz 3 a 0 no Brusque pela primeira rodada do Campeonato Catarinense Flávio Neves/

Zagueiro Gabriel estreou no Leão e marcou dois gols na Ressacada

Foto: Flávio Neves

O Avaí mostrou a força do seu grupo e goleou o Brusque neste domingo por 3 a 0 pela primeira rodada do Campeonato Catarinense. Jogando com time formado, principalmente por jogadores da base, o Leão confirma o seu favoritismo para a conquista do bicampeonato dentro de campo.

Próximos jogos

Na próxima rodada o Avaí vai até Jaraguá do Sul na quarta, dia 20, onde enfrenta o Juventus pela segunda rodada do estadual, às 22h, no estádio João Marcatto. Na quinta-feira, dia 21, O Brusque recebe o Figueirense no estádio Augusto Bauer, às 21h50min.

Primeiro tempo

O atual campeão catarinense, o Avaí, começou a partida na Ressacada em cima do Brusque, não deu espaço ao adversário e dominou amplamente as ações do jogo no primeiro tempo. O técnico Suca não pode colocar em campo a maior estrela do time, o atacante Viola, que ainda não está em condições físicas ideais.

>>> Assista aos gols pelo site da RBS TV

No primeiro ataque do Avaí, Renan Oliveira, aos nove minutos, arrancou pela esquerda e cruzou para dentro da área, a bola passou pelo atacante Cristian e ficou com a zaga do Brusque.

Aos 18 minutos, mais uma vez o lateral-esquerdo, Renan Oliveira fez boa jogada e chutou da entrada da área, o goleiro do Brusque, Fabiano, caiu na direita para fazer uma boa defesa.

Muito melhor em campo, o gol do Avaí era questão de tempo. Aos 24 minutos, o zagueiro estreante Gabriel cobrou falta com muita força, a bola passou por baixo da barreira e entrou no canto direito do goleiro Fabiano, sem chances de defesa.

O Brusque chegou ao gol do Avaí pela primeira vez aos 28 minutos. O meia Valdo deixou Pereira na cara do gol, mas o goleiro Renan saiu bem e o jogador do Brusque chutou a bola para fora, desperdiçando a melhor oportunidade do time de Suca na partida.

Aos 34 minutos, o Avaí chegou ao seu segundo gol. Jhonny roubou a bola em seu campo de defesa e passou para Roberto, o atacante tocou de primeira para Medina, que com categoria encobriu o goleiro Fabiano para marcar o segundo do Leão. Após o gol, o meia Têti, do Brusque, que já tinha cartão amarelo reclamou com o árbitro da partida e foi expulso de campo.

O Avaí quase ampliou ainda no primeiro tempo, Cristian recebeu dentro da área, aos 41 minutos, driblou dois jogadores e chutou, a bola bateu nas pernas do zagueiro Marcelo e saiu pela linha de fundo.

Segundo tempo

Na volta para o segundo tempo o Avaí não "administrou" a vantagem no placar e com um minuto de partida marcou o terceiro do Leão.

O meia Rodrigo Thiesen chutou da intermediária, o goleiro Fabiano fez uma ótima defesa e mandou a bola para escanteio. Na cobrança de Odair, Gabriel subiu mais do que a zaga adversária e cabeceou sem chances de defesa para o goleiro do Brusque.

Com o terceiro gol, a equipe do Brusque se desmontou em campo. Com um jogador a mais o Avaí, com espaço, dominou completamente o adversário e teve inúmeras oportunidades de ampliar o placar.

Aos 13 minutos, o Avaí tocou fácil a bola até ela chegar ao atacante Cristian, que virou dentro da área e chutou por cima do gol de Fabiano.

Como no primeiro tempo, o Brusque chegou apenas uma vez com perigo ao gol de Renan. Aos 24 minutos, Rogério Souza cruzou pela direita, renan saiu mal do gol e Jonatas perdeu, sem goleiro, a chance de diminuir para o Brusque.

Nos últimos 10 minutos de partida o Avaí teve três chances claras de gol. Aos 35 Medina, sozinho, entrou na área, mas chutou fraco e a bola chagou fácil às mãos do goleiro Fabiano. Aos 40 minutos, Hegon chutou da entrada da área na direção de Cristian, o atacante dominou a bola e na cara de Fabiano bateu por cima da trave. Um minuto depois, Hegon mostrou categoria e habilidade no mesmo lance. O meia passou por dois jogadores e na entrada da área encobriu o goleiro, mas a bola saiu à direita do gol adversário no último lance da partida.

Ficha técnica

Avaí (3)


Renan; Gustavo, Gabriel (Dimas), Cleiton (Branca) e Renan Oliveira; Rodrigo Thiesen, Medina, Jhonny e Odair (Hegon); Cristian e Roberto.
Técnico: Edson Neguinho

Brusque (0)

Fabiano; Rogério Souza, Marcelo, Luiz Henrique e Dênio (Lucas); Daril, Pereira, Têti e Paulinho; Lourival (Jonatas) e Valdo (Willian Gaúcho).
Técnico: Suca

Gols: Gabriel, aos 25, e Medina, aos 33 minutos do primeiro tempo; Gabriel, a um minuto do segundo tempo.
Cartão Vermelho: Têti (B)
Cartões Amarelos: Lourival, Rogério Souza, Têti, Pereira e Dênio (B), Roberto, Cleiton e Odair (A)
Arbitragem: Raimundo da Luz Nascimento, auxiliado por Angelo Rudimar Bechi e André Eduardo da Silveira

CLICESPORTES
 Veja também
 
 Comente essa história