Recomeço na Chapecoense: técnico Suca é apresentado oficialmente Alan Pedro/

Suca chegou nesta sexta ao Verdão do Oeste

Foto: Alan Pedro

A Chapecoense quer passar uma borracha no turno e recomeçar, agora sob o comando do técnico Suca, ex-Brusque, que foi apresentado oficialmente nesta quinta-feira. O time é o penúltimo na tabela e, antes de focar no returno, busca explicações. Algumas fazem a torcida crer em um resultado melhor daqui pra frente.

A falta de continuidade pode ter prejudicado. Em oito rodadas, 24 jogadores foram utilizados. Dava para montar dois times e ainda sobravam dois reservas. Outro fator é o elevado número de lesões — o goleiro Nivaldo, os zagueiros Anelka e Helton e o volante Emerson Cris estão machucados.

A falta de ritmo de jogo de alguns atletas que voltaram de lesão, como Basílio, William Amaral e Badé, também influenciou. Outros que retornaram ao clube, como Rafael Morisco e Bruno Cazarine, também sentiram falta de ritmo. Sem contar o elevado número de cartões e os seis pênaltis cometidos em oito jogos.

Melhorar em todos esses aspectos será a missão do técnico Suca, apresentado ontem. Na chegada, ele disse acreditar no potencial do time.

— Eu apontei a Chapecoense entre os favoritos ao título e não mudei minha idéia — afirmou.

DIÁRIO CATARINENSE
 Veja também
 
 Comente essa história